Na terceira divisão da Itália, meia sinaliza arrependimento por ter deixado Corinthians

Na terceira divisão da Itália, meia sinaliza arrependimento por ter deixado Corinthians

Por Meu Timão

202 mil visualizações 233 comentários Comunicar erro

Matheus Cassini deixou o Corinthians em 2015, com apenas 19 anos

Matheus Cassini deixou o Corinthians em 2015, com apenas 19 anos

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Quase dois anos após deixar o Corinthians rumo ao Palermo, da Itália, o meia Matheus Cassini dá sinais de arrependimento por ter largado o Timão. Por meio das redes sociais, o jovem, que atualmente defende o Siracusa, da terceira divisão da Itália, fez uma declaração ao Timão.

"Essa semana depois da declaração do professor Osmar Loss, fui pego de surpresa pelo carinho dos torcedores Corinthianos. Quero agradecê-lo por essa declaração e também ressaltar a importância dele na minha carreira. Foi uma das pessoas mais importantes sem dúvida. Sempre acreditou no meu potencial, o que me fez ajudar meus companheiros na conquista da Taça SP", disse, se referindo a uma entrevista concedida pelo técnico do Sub-20 na qual ele sinalizou que gostaria de contar com o retorno de Cassini ao Timão em 2017.

"Aproveito também para agradecer aos torcedores Corinthianos pelo carinho e respeito, e digo que sinto o mesmo por todos vocês. Hoje entendo melhor tudo que aconteceu no passado", completou.

Essa semana depois da declaração do professor Osmar Loss, fui pego de surpresa pelo carinho dos torcedores Corinthianos. Quero agradecê-lo por essa declaração e também ressaltar a importância dele na minha carreira. Foi uma das pessoas mais importantes sem dúvida. Sempre acreditou no meu potencial, o que me fez ajudar meus companheiros na conquista da Taça SP. Aproveito também para agradecer aos torcedores Corinthianos pelo carinho e respeito, e digo que sinto o mesmo por todos vocês. Hoje entendo melhor tudo que aconteceu no passado, e quando olho para os grandes ídolos (meus idolos) que já vestiram essa camisa, sempre me orgulho de poder ter representado eles e toda nação mesmo que por pouco tempo. Um ótimo 2017 a todos !!!

Uma foto publicada por Matheus Cassini 🇧🇷 (@mathcassini) em

Na época com 19 anos, Cassini foi negociado com o Palermo no primeiro semestre de 2015, pouco depois de conquistar a Copa São Paulo de Futebol Júnior. Ele até foi promovido ao elenco profissional, mas não vinha recebendo chances sob comando de Tite e acabou envolvido na negociação encabeçada pelo ex-presidente Andrés Sanchez.

Passadas duas temporadas, o meia parece ter se arrependido da escolha. Isso porque não recebeu chances no Palermo e acabou emprestado primeiramente ao Inter Zapresic, da Croácia, e agora ao modesto Siracusa.

Vale destacar que esta não é a primeira vez que Cassini se mostra chateado com a condição na qual se encontra na Europa. No ano passado, o meia reclamou publicamente por não estar recebendo chances no Velho Continente.

Veja Mais:

  • Corinthians fez finalíssima contra o Palmeiras na manhã deste domingo

    Corinthians é superado pelo Palmeiras em Barueri e fica com vice-campeonato no Paulista Sub-20

    ver detalhes
  • Jogadores comemoraram o gol de Vital; o camisa 22 foi discreto, em respeito ao ex-clube

    Vital cumpre lei do ex, Corinthians vence Vasco e respira no Brasileirão

    ver detalhes
  • Gol de Mateus Vital garantiu vitória do Corinthians sobre o Vasco

    Rivais diretos perdem, e Corinthians começa 35ª rodada com pé direito; veja classificação

    ver detalhes
  • Roger foi criticado pela torcida após passar em branco no jogo deste sábado

    Torcida elege Vital craque de vitória do Corinthians, mas não perdoa dupla; veja as notas

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes