Reunião da diretoria no Parque São Jorge dividida em quatro pontos; entenda

Reunião da diretoria no Parque São Jorge dividida em quatro pontos; entenda

120 mil visualizações 299 comentários Comunicar erro

Roberto de Andrade, que passa férias nos EUA, não esteve presente

Roberto de Andrade, que passa férias nos EUA, não esteve presente

Foto: Agência Corinthians

Ocorreu na noite desta quinta-feira, no Parque São Jorge, a reunião extraordinária convocada por André Luiz de Oliveira, conhecido como André Negão. O encontro foi revelado pelo Meu Timão. O primeiro vice-presidente, responsável maior pelo clube com a ausência de Roberto de Andrade, que está em férias nos EUA, foi atendido e a presença dos membros da diretoria foi significativa.

A reportagem do Meu Timão apurou que o encontro se deu num clima de tranquilidade, com todos tendo a chance falar e colocar suas impressões sobre o atual momento alvinegro. Basicamente, a reunião teve quatro pontos mais importantes. O primeiro, que não é novidade para o torcedor, foi colocar com clareza aos presentes a real situação financeira que, segundo um deles, não é das melhores e merece extremos cuidados.

O segundo ponto, consequência do primeiro, é de que os departamentos deverão dar uma contribuição maior para ajudar. Desde os de menor importância até o de maior possibilidade de retorno financeiro, que é o marketing, os departamentos precisam encontrar maneiras de buscar novas receitas e, na medida do possível, diminuir os custos.

O terceiro ponto é o mais importante para o torcedor que, neste momento, não enxerga tantas perspectivas de ver um Corinthians com uma equipe forte, que tenha força para brigar com seus principais concorrentes. Foi consenso de que "a coisa tá muito parada", como resumiu um dos presentes ao Meu Timão. Os diretores querem mais ousadia de Roberto de Andrade quando o assunto é o futebol, mesmo diante de uma situação financeira mais complicada.

O quarto ponto também resvala no atual mandatário. Os diretores aguardarão seu retorno dos EUA no início da próxima semana para ter uma conversa definitiva com ele. Será colocado que todos estão dispostos a ajudá-lo, a "querer contribuir para que o Corinthians volte a ser protagonista como nos últimos anos", como disse um dos presentes. Porém, os diretores que serão designados para tal conversa vão querer saber do presidente se ele também quer ser ajudado. Na visão dos presentes na reunião, Roberto de Andrade ouve a todos, concorda com muitas das coisas, mas não coloca em prática nada do que foi colocado a ele.

Em tempo: fazer uma reunião de diretoria como essa que ocorreu na noite de quinta-feira no Parque São Jorge, segundo os presentes, é algo que também faz falta na atual administração do clube. São raros os momentos como esse, segundo eles.

Veja mais em: Diretoria do Corinthians.

Veja Mais:

  • Corinthians de Fagner sofreu terceiro revés seguido para o Cruzeiro e segue perto do Z4

    Com um a menos de novo, Corinthians perde do Cruzeiro e flerta com rebaixamento

    ver detalhes
  • Cássio foi a “boa notícia” do Corinthians em Belo Horizonte

    Cássio é eleito o melhor do Corinthians no Mineirão; dupla beira nota zero

    ver detalhes
  • Douglas foi expulso no fim do primeiro tempo e prejudicou Timão no Mineirão

    Torcida do Corinthians detona Douglas, Avelar e Jair por derrota; veja comentários

    ver detalhes
  • Timão vem patinando sob o comando do técnico Jair Ventura

    Corinthians se segura em 13º, mas pode terminar rodada a dois pontos do Z4

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes