Corinthians precisou tirar verba do futebol para quitar juros da Arena

4.3 mil visualizações 78 comentários

Por Meu Timão

Andrés Sanchez, durante evento de entrega das obras da Arena

Andrés Sanchez, durante evento de entrega das obras da Arena

Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

Ao contrário do afirmado anteriormente por Andrés Sanchez, o Corinthians tirou dinheiro de seu departamento de futebol para pagar contas referentes à Arena. É o que o próprio cartola revelou nesta segunda-feira. Fora da diretoria do Timão há pouco mais de um ano, o deputado federal disse que o clube precisou repassar verba dos cofres alvinegros ao fundo que administra o estádio, a fim de quitar os juros da construção.

“Teve (dinheiro tirado do futebol) em dois ou três meses, para pagar os juros. Foi no ano passado”, afirmou Andrés Sanchez em entrevista à Rádio Bandeirantes.

Corinthians e Arena Corinthians possuem caixas distintos. Receitas com patrocínio, vendas de jogadores e cotas de televisão entram nas finanças do clube, enquanto a arrecadação com bilheteria de jogos, camarotes do estádio e produtos e alimentos consumidos dentro da Arena pertence à Arena Fundo de Investimento, responsável pelo abatimento das parcelas do financiamento com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

O problema é que tal dívida não é paga desde maio de 2016, quando o Corinthians interrompeu o repasse de R$ 5,7 milhões mensais ao banco estatal pela dívida do estádio – o clube negocia para aumentar o período de carência de 19 para 36 meses. Assim, os cotistas do fundo (Corinthians, Odebrecht e Arena Itaquera S.A.) mantiveram apenas os juros em dia, avaliados em R$ 3 milhões ao mês.

Segundo balancete financeiro parcial divulgado recentemente pelo Timão, cerca de R$ 18 milhões deixaram de ser usados no futebol para conter as despesas da Arena. Vale lembrar que a conta não inclui a renda líquida com ingressos em 2016, na casa dos R$ 32 milhões.

“Eu só não faria a Copa, o resto eu faria tudo. A Copa encareceu um pouco mais o estádio, precisava de coisas que, para o dia a dia do clube, não precisava, e nós tivemos que fazer. E nós fizemos uma Arena que não é só para o futebol, é para outras coisas também. Não dentro do gramado, mas no estacionamento e em áreas que tem aqui dentro. É uma coisa nova também no Brasil, estamos aprendendo, mas com o tempo todo mundo vai ver que é um sucesso. É que hoje realmente não está acontecendo como a gente pensava”, ponderou o cartola, que cobra da Odebrecht o término das obras do empreendimento.

“Em dinheiro, faltam R$ 40 ou 50 milhões para terminar a obra, e vai viabilizar quando conseguir vender todos os camarotes, alugar todas as cadeiras, fazer tudo aquilo que foi planejado para fazer. Desculpa tem um monte, e não adiantar dar desculpa em um caso desses. Não está dando certo neste momento e temos que trabalhar para mudar o mais rápido possível”, finalizou.

Em tempo: o Meu Timão já havia antecipado o interesse do Corinthians em ficar com parte do faturamento com ingressos e outras receitas da Arena. A ideia é não destinar 100% dos ganhos ao fundo, mas metade deles. O restante seria depositado nos cofres do Parque São Jorge, que tem dificuldades para controlar as despesas do departamento de futebol e da sede social.

OUTRO LADO

Atualização (20h19) – O Corinthians, por meio de seu site oficial, esclareceu que, de fato, utilizou grana do caixa do clube na Arena em Itaquera. Leia o comunicado abaixo:

Nota oficial

Após a publicação de algumas notícias envolvendo o Sport Club Corinthians Paulista e o Fundo Arena Corinthians nesta segunda-feira (09), o clube vem a público esclarecer a relação financeira acertada entre as partes em contrato comercial.

De acordo com o contrato, o clube é responsável por algumas despesas relativas à Arena Corinthians. O Fundo, por sua vez, apura a sua receita líquida e, através de percentual estabelecido em contrato, repassa esse valor ao Corinthians.

Atualmente, o Corinthians tem um valor a receber e que será liquidado assim que as receitas do Fundo permitirem.

Veja mais em: Arena Corinthians, Andrés Sanchez e Diretoria do Corinthians.

Veja Mais:

  • Diego Costa esteve na mira do Corinthians, mas a negociação não caminhou

    Tio de Diego Costa diz que Corinthians recuou em acerto por orientação de empresa patrocinadora

    ver detalhes
  • Elenco do Corinthians se reapresentou nesta quarta-feira

    Corinthians se reapresenta e faz primeiro treino após estreia no Paulistão

    ver detalhes
  • Gil firmou vínculo com o Corinthians até o final de 2023

    Corinthians estende contrato de zagueiro Gil; veja novo vínculo

    ver detalhes
  • Corinthians ainda pode inscrever cinco jogadores na Lista A do Paulista

    Corinthians confirma primeira lista de inscritos no Paulistão; veja quantas vagas restam

    ver detalhes
  • Jogadores devem dormir no CT alguns dias nas próximas semanas, além de realizar treinamentos em jornada dupla

    Corinthians prevê concentração e regime de pré-temporada por mais algumas semanas

    ver detalhes
  • As reações de Paulinho na reestreia pelo Corinthians | Bastidores da Arquibancada

    VÍDEO: As reações de Paulinho na reestreia pelo Corinthians | Bastidores da Arquibancada

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x