Após declaração de Andrés, auditoria investiga gastos do Corinthians na Arena

Após declaração de Andrés, auditoria investiga gastos do Corinthians na Arena

Por Meu Timão

3.4 mil visualizações 45 comentários Comunicar erro

Auditoria investiga volume do dinheiro gasto pelo Corinthians na Arena

Auditoria investiga volume do dinheiro gasto pelo Corinthians na Arena

Foto: Bruno Tolo/Divulgação

Após declarações do ex-presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, a auditoria nas contas da Arena em Itaquera, contratada pela diretoria corinthiana, investiga o quanto de dinheiro do clube bancou o estádio em 2016. O grupo contratado apura problemas no local desde dezembro do ano passado e tenta descobrir o valor investido pelo clube. A informação foi revelada pelo Blog do Rodrigo Mattos, nesta quarta-feira.

De acordo com o blog, a Arena Corinthians se encontra atualmente com duas despesas. A primeira é o pagamento de juros da dívida com o BNDES (Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social), já que a quitação do valor principal em acordo com a Caixa foi suspensa. O montante é equivalente a R$ 2 milhões mensais. A outra é o custo operacional, que é medido em cerca de R$ 2,5 milhões a cada mês – incluindo o pagamento de funcionários, que tem um total de R$ 30 milhões por ano.

Na última segunda-feira, André Sanchez chegou a comentar que existem recursos da agremiação utilizados no pagamento de juros da casa corinthiana. Em 2016, a renda com bilheteria conquistada pelo estádio não foi suficiente para o acerto de todos os compromissos envolvendo o local. Durante o primeiro semestre do ano, foram R$ 45 milhões em receita bruta, com R$ 20 milhões restantes em líquido. Contudo, ainda existem parcelas a serem quitadas com BNDES.

Até o momento, a auditoria já conseguiu informações sobre o dinheiro desembolsado pelo Corinthians no estádio. Em setembro de 2016, foi registrado um efeito negativo nas contas clube de R$ 18 milhões. Porém, o valor total gasto pelo time com a Arena em Itaquera não é exato. Caso tivesse pago três prestações de juros, seriam pelo menos R$ 6 milhões.

Sendo assim, a auditoria continua realizando a apuração para descobrir de fato qual é o volume de recursos corinthianos gastos no estádio – e se o procedimento foi realizado de maneira regular. No acordo inicial do pagamento da Arena em Itaquera, o clube do Parque São Jorge não deveria colocar o seu dinheiro no local, gastando para bancar apenas os recursos gerados na casa do Timão.

Veja mais em: Diretoria do Corinthians e Arena Corinthians.

Veja Mais:

  • Sidcley foi ao CT Joaquim Grava nesta quinta-feira

    Lateral do Atlético-PR é aprovado em exames médicos no CT do Corinthians

    ver detalhes
  • Ralf deve ser um dos inscritos ainda na primeira fase do Paulista

    Quatro reforços e duas vagas: Corinthians deixará dois nomes fora da primeira fase do Paulistão

    ver detalhes
  • Fiel promete lotar a casa corinthiana no primeiro Dérbi de 2018

    Torcida do Corinthians garante quase 40 mil ingressos para Dérbi na Arena

    ver detalhes
  • Romão e Carlinhos foram emprestados pelo Corinthians

    Corinthians empresta Carlinhos e Guilherme Romão para o Oeste

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes