Novo batedor de faltas do Corinthians, Fellipe Bastos revela inspirações

Novo batedor de faltas do Corinthians, Fellipe Bastos revela inspirações

Por Meu Timão

6.7 mil visualizações 64 comentários Comunicar erro

Fellipe Bastos é candidato a acabar com jejum de gols de falta no Timão

Fellipe Bastos é candidato a acabar com jejum de gols de falta no Timão

Daniel Augusto Jr./Ag.Corinthians

Segundo volante de origem, Fellipe Bastos despertou a atenção da diretoria do Corinthians por outro importante fundamento: cobranças de falta. Especialista em bolas paradas, o jogador, de 26 anos, diz se espelhar em dois dos maiores batedores que passaram pelo futebol brasileiro. Um deles, aliás, velho conhecido da torcida alvinegra.

“É lógico que eu tenho um cara que joguei junto e admiro bastante, que era o Juninho Pernambucano. Eu o via jogar e o imitava, o Marcelinho Carioca também, imitava bater na bola. Tive a graça de jogar com o Juninho e observá-lo no treinamento. São jogadores assim que eu admiro. É lógico que tenho a minha característica, de bater um pouquinho mais forte. Mas me espelho neles”, afirmou Fellipe Bastos em entrevista ao Seleção SporTV.

Um dos sete reforços do Timão para a temporada, Fellipe atuou ao lado de Juninho Pernambucano no Vasco entre 2011 e 2012. No período, tirou grandes lições do talento do companheiro, mas também aprendeu a aprimorar sua técnica. Antigamente, por exemplo, o volante exercitava mais faltas por treinamento do que hoje.

“Mudou muito o futebol, hoje a bola parada define jogo. Até os treinadores pedem pra não fazer falta perto da área. A gente continua treinando, lógico, mas antigamente se treinava muito mais batida de falta. Às vezes o preparador físico pede pra bater um pouco menos. Era o que eu conversava com o Juninho, antes ele batia 50, 60 bolas, e depois ele passou a dez, 15”, admite. “Isso tem dificuldade pros batedores. A gente tem treinado bastante, eu treino bastante. A gente está na pré-temporada e ainda não consegui, pelo peso das pernas, pelo risco de contusão... Bater falta, lógico que é dom, mas é muito treinamento. Às vezes no jogo você tem uma bola só”, finalizou.

Olha a bomba! – A contratação de Fellipe Bastos por parte do Corinthians pode significar o fim de um jejum para lá de incômodo da equipe do Parque São Jorge.

Veja mais em: Fellipe Bastos.

Veja Mais:

  • Andrés e Rosenberg prometem grande anúncio com IBM para esta sexta-feira

    Corinthians acerta com IBM e festeja saída da Omni: 'Vamos refazer o Fiel Torcedor inteirinho'

    ver detalhes
  • Sornoza, à esquerda, deve ser anunciado ainda nesta quarta como reforço do Corinthians

    Sornoza desembarca para fechar com Corinthians e brinca com rival são-paulino

    ver detalhes
  • Corinthians conheceu detalhes de seus primeiros desafios rumo ao tricampeonato estadual

    Corinthians conhece datas e horários das oito rodadas iniciais do Paulistão 2019

    ver detalhes
  • Elenco do Corinthians oscilou muito e chega com "patamares alterados" para 2019

    Do início ao fim: a trajetória do elenco do Corinthians durante o ano e como cada um chega para 2019

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes