Brasileira, esposa de Kazim não queria voltar ao país: 'Nunca falei para ele vir'

239 mil visualizações 57 comentários

Por Meu Timão

Caio, Kazim, Mariana e Thalia; esposa disse por que jogador decidiu atuar no Brasil em entrevista recente

Caio, Kazim, Mariana e Thalia; esposa disse por que jogador decidiu atuar no Brasil em entrevista recente

Reprodução/Instagram

Se você é torcedor do Corinthians, certamente já deve ter se perguntado como o atacante Colin Kâzım-Richards, ou simplesmente Kazim, que nasceu na Inglaterra e se naturalizou turco, veio parar no futebol brasileiro. A história por trás da contratação do Timão teve início na Suíça, mais especificamente no Aeroporto de Genebra, há cerca de oito anos.

Em 2009, Kazim, à época jogador do Fenerbahçe, compôs a delegação que viajou à cidade de Sion e enfrentou o time suíço de mesmo nome. O atacante, inclusive, marcou um dos dois gols de sua equipe na vitória por 2 a 0 – o lateral-esquerdo André Santos, ex-Corinthians, também deixou o dele num esquadrão formado por Roberto Carlos, Cristian, Deivid e etc. Ao iniciar a viagem de volta para Turquia, Colin se deparou com Mariana Bigão, uma brasileira que trabalhava no local. Foi amor à primeira vista.

“Eu saí do Brasil com nove anos e morei em Genebra. Eu trabalhava no aeroporto e nos conhecemos lá mesmo. Foi assim que aconteceu”, contou Mariana, hoje esposa de Kazim, em fala reproduzida pelo jornal Gazeta do Povo no ano passado.

Kazim e Mariana tiveram dois filhos, Caio e Thalia, antes de decidirem aceitar a proposta do Coritiba em junho de 2016. Sincera, a mulher revelou que retornar ao Brasil com a família não estava em nos planos num primeiro momento. “Ele sempre quis vir jogar aqui (no Brasil). Eu estava um pouco indecisa porque me acostumei a morar na Europa”, admitiu, acrescentando ainda que a ideia de deixar o Velho Continente partiu do esposo.

.....:❤️❤️🇹🇷🇧🇷🇦🇬❤️❤️:.....

Uma publicação compartilhada por Colin Kazim-Richards (@manlikecolinkazimrichards) em

“Nunca falei para ele vir. Já fazia um bom tempo que ele queria isso. Eu, como sou brasileira, estou muito feliz de estar aqui. Ele conseguiu uma ótima proposta. Foi uma ótima decisão”, comemorou Mariana após o marido deixar o modesto Celtic, da Escócia, para jogar no futebol paranaense.

Kazim foi anunciado reforço do Corinthians no dia 6 de janeiro. Desde então, disputou sete jogos, cinco vitórias, um empate e uma derrota, e marcou dois gols (contra Vasco e Osasco Audax). Apesar do interesse pelo esporte brasileiro, o camisa 18 do Timão tinha outro objetivo em mente ao se mudar para Curitiba.

“Meus filhos falam inglês e português da mesma maneira. Acho muito importante eles saberem de onde vêm. Para mim, estar aqui é inacreditável”, explicou Kazim durante sua coletiva de apresentação no Coritiba.

Veja mais em: Kazim.

Veja Mais:

  • Corinthians teve dia cheio de trabalhos físicos no CT

    Corinthians foca na parte física em segundo dia de treino para Copa do Brasil; veja provável time

    ver detalhes
  • Academia da Neo Química Arena será de responsabilidade da Red Fit; parceria antiga com Anderson Silva deixa o clube

    Corinthians faz parceria com rede de academias, que assume instalações do clube e do estádio

    ver detalhes
  • Sidcley está apto a ser inscrito e sem lesão para jogar o duelo diante do América-MG

    Sidcley pode ter nova chance no Corinthians em duelo pela Copa do Brasil; entenda

    ver detalhes
  • Otero voltará a ser desfalque do Corinthians para defender a seleção venezuelana

    Otero volta a ser convocado para as Eliminatórias da Copa e desfalca Corinthians no Brasileirão

    ver detalhes
  • Corinthians volta a treinar no Centro de Treinamento Dr. Joaquim Grava

    Corinthians inicia preparação para Copa do Brasil com treino em dois períodos; veja provável time

    ver detalhes
  • Timão pode dar adeus ao Paulista de Basquete em caso de vitória do Pinheiros no domingo

    Garotada do Corinthians perde para o São Paulo e pode dar adeus ao Campeonato Paulista de Basquete

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: