Preparador físico do Corinthians esclarece situações de Jadson e Pedrinho

Preparador físico do Corinthians esclarece situações de Jadson e Pedrinho

128 mil visualizações 316 comentários Comunicar erro

Pedrinho e Jadson são colegas de posição no Corinthians

Pedrinho e Jadson são colegas de posição no Corinthians

Daniel Augusto Jr./Ag.Corinthians

O início de temporada do Corinthians vem criando expectativas no torcedor alvinegro acerca de pelo menos dois jogadores do meio de campo: o veterano Jadson, de 33 anos, e o novato Pedrinho, de apenas 19. Em entrevista concedida nesta quarta-feira no CT Joaquim Grava, o preparador físico do Timão, Walmir Cruz, esclareceu as situações dos dois atletas.

No que diz respeito a Jadson, que foi titular no último sábado, contra o Santos, e iniciará também a partida desta quinta, diante do Luverdense, Walmir Cruz deixou no ar a possibilidade de poupá-lo em alguns dos próximos compromissos do Corinthians. O meia passou os meses de novembro, dezembro, janeiro e fevereiro sem jogar.

"Temos o cuidado de acompanhar todos os atletas. Sobre o Jadson, ainda há uma observação especial pelo fato de ele ter vindo de um tempo inativo, voltando agora a jogar. O que nos preocupa é a sequência de jogos", disse o preparador.

"Nossa preocupação é fazer trabalhos preventivos para que ele não tenha problemas lá na frente. Quanto aos outros que chegaram na pré-temporada, temos um controle total deles", completou.

Já com relação a Pedrinho, que não está inscrito no Campeonato Paulista e acabou ficando de fora da lista de relacionados do técnico Fábio Carille para a partida desta quinta válida pela Copa do Brasil, Walmir Cruz pregou cautela por conta da fragilidade de sua musculatura em relação a demais atletas profissionais. O garoto foi recém-promovido da base.

"Um atleta quando sai da base para o profissional está ainda naquele período de maturação. É difícil colocá-lo para enfrentar um atleta de 28 anos, 30. A diferença é muito grande. Com o tempo temos de melhorar algumas qualidades. Não é só o Pedrinho. O Arana evoluiu fisicamente, por exemplo", argumentou o preparador.

"Temos feito algum trabalho com o Pedrinho, não só com ele, mas todos os atletas... É necessário termos controle de todos os treinos e sabedoria para ver quando e onde colocá-lo. Precisamos tomar muito cuidado para não queimar etapas e então lapidar o atleta", concluiu.

Veja mais em: Jadson e Pedrinho.

Veja Mais:

  • Fagner e Clayson, além de Ramiro, são os jogadores do Corinthians mais advertidos com amarelo no primeiro semestre

    Primeiro semestre do Corinthians: uma única expulsão e quarteto com mais cartões amarelos

    ver detalhes
  • Walter ganhou mais um interessado na sua contratação

    Com foco ainda em 2019, Ceará demonstra interesse em contratação de Walter

    ver detalhes
  • Willian Felix assinou com o Corinthians para integrar a equipe Sub-23

    Corinthians contrata lateral-esquerdo do São Bernardo para elenco Sub-23

    ver detalhes
  • Arena Corinthians volta a receber jogo do Timão daqui um mês

    Dérbi e 'overdose de Arena Corinthians': CBF desmembra rodadas do Brasileirão pós-Copa América

    ver detalhes

Comente a notícia: