Torcedores chilenos seguem detidos; jornalista que trabalhava na Arena está entre eles

Torcedores chilenos seguem detidos; jornalista que trabalhava na Arena está entre eles

Por Meu Timão

2.9 mil visualizações 51 comentários Comunicar erro

Torcedores se envolveram em confusão com a PM na Arena

Torcedores se envolveram em confusão com a PM na Arena

Foto: Reprodução / TV

Passada algumas horas da confusão envolvendo torcedores da Universidad do Chile e a polícia na Arena Corinthians, os 26 chilenos seguem detidos no 24º Distrito Policial, na Água Rasa, Zona Leste de São Paulo.

Entre eles, está o jornalista Cristopher Antúnez. O chileno é conhecido em seu país por acompanhar a Universidad do Chile e estava no setor visitante gravando imagens da confusão com um telefone celular.

Segundo o UOL Esporte, Cristopher se identificou como repórter do site Goal.com, mas o veículo negou qualquer vínculo com o chileno. O Corinthians informou que seu credenciamento foi feito em nome da Rádio Universidad de Chile.

O repórter estava no Setor Sul da Arena, mas na área destinada ao corinthianos. Ele até chegou a divulgar imagens em suas redes sociais deste local. Na sequência, foi detido junto aos outros 25 torcedores no intervalo da partida.

Ainda segunda a publicação, colegas de profissão do jornalista foram até a delegacia e alegaram aos policiais que ele não fazia parte de torcidas organizadas e apenas estava trabalhando no setor.

Os chilenos detidos já buscaram contato com o consulado do Chile para resolver a situação, mas até agora o caso segue na mesma. O ex-corinthiano, o goleiro Johnny Herrera, fez um pedido para que os torcedores recebam apoio.

Entenda o caso - A confusão se dividiu em dois momentos: no início e no intervalo da partida. Antes do jogo começar, os torcedores da La U iniciaram uma discussão com torcedores do Corinthians e arremessaram cadeiras do setor visitante contra a Fiel. A polícia conseguiu intervir e evitar confronto maior.

No intervalo, segundo a PM, os torcedores que foram identificados pelas câmeras de segurança do estádio foram detidos por policiais. Durante a ação, parte da torcida chileno tentou evitar a prisão e partiu para cima do policiamento. O novo confronto se encerrou minutos depois. Uma funcionária do estádio também foi agredida pelos chilenos, além da danificação de um banheiro e de uma cabine de bilheteria.

Veja mais em: Copa Sul-Americana e Arena Corinthians.

Veja Mais:

  • Renan Areias (no centro) está no Corinthians desde os seis anos de idade

    Corinthians empresta capitão do Sub-20 para o Red Bull Brasil

    ver detalhes
  • Fessin já marcou três gols pelo Corinthians no Paulista Sub-20

    Fessin marca, Corinthians vence no Paulista Sub-20 e diminui distância para rival

    ver detalhes
  • Corinthians fechou a primeira fase na liderança e invicto no Paulista Feminino

    Corinthians vence Portuguesa e fecha primeira fase do Paulista Feminino líder invicto

    ver detalhes
  • Corinthians de Ronaldo foi eliminado pelo Tolima em 2011 e mesmo assim Tite seguiu como técnico

    Tite/11 x Loss/18: diferenças e semelhanças entre as crises corinthianas comparadas por Andrés

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes