Carille revela mudança tática que fez Corinthians despontar no Paulista

Carille revela mudança tática que fez Corinthians despontar no Paulista

Por Meu Timão

6.2 mil visualizações 51 comentários Comunicar erro

Com Carille, Rodriguinho passou a atuar mais adiantado, ao lado de Jô, o que fez Corinthians deslanchar

Com Carille, Rodriguinho passou a atuar mais adiantado, ao lado de Jô, o que fez Corinthians deslanchar

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Recém-campeão paulista, o Corinthians tem 40 gols em 32 jogos em 2017. O crescimento do sistema ofensivo do Timão na temporada está diretamente relacionado a uma mudança tática promovida pelo técnico Fábio Carille. Quem revela é o próprio comandante alvinegro.

De acordo com o ex-auxiliar de Tite, a alternativa de trazer Rodriguinho para a linha de frente da equipe, ao lado do atacante Jô, deu resultado. O meio-campista soma nove gols, mesma marca do centroavante corinthiano.

“Eu comecei o ano tentando aquela estratégia de 2015, o 4-1-4-1 (sistema de jogo). A gente teve dificuldade de chegar no Jô, bastante isolado. O Rodriguinho foi contratado sendo esse cara ‘camisa 10’ jogando perto do 9, pode buscar no Bragantino e no América-MG, sempre esse cara mais perto da área”, iniciou Carille, em participação no programa Boa Noite FOX nesta segunda-feira.

Carille lembrou que, sob o comando de Tite, Rodriguinho atuava frequentemente como segundo volante, cujas características priorizam a marcação. Assim que ele assumiu o Corinthians, passou a olhar o camisa 26 como um meia-atacante de ofício, pisando na área por maior tempo durante as partidas.

“Com a ideia do Tite em 2015, os jogos que o Elias não jogou (por Seleção Brasileira), ele veio no 4-1-4-1 baixar pra marcar, e a gente teve muitas dificuldades para chegar na área do adversário nesse começo de ano. Foi quando comecei a segurar um pouquinho mais o Maycon e o liberando mais perto do Jô. A gente cresceu muito na parte ofensiva depois dessa mudança”, admitiu o treinador.

Aos ser questionado se as críticas ao tipo de jogo do Corinthians o incomodavam, Carille foi sincero. “Na verdade, nada me incomoda, deixei claro que iria priorizar setores. Setor defensivo deu uma resposta muito rápida. Estamos ganhando de 1 a 0, mas estamos tendo oportunidade de fazer mais. Contra o Atlético-GO tivemos quatro, cinco chances claras de gol. É ter tranquilidade na hora de finalizar para melhorar nosso setor defensivo”, concluiu.

Veja mais em: Fábio Carille e Rodriguinho.

Veja Mais:

  • Thiago Neves desperta interesse no Corinthians

    Corinthians formaliza interesse em Thiago Neves e Sassá, relata Cruzeiro

    ver detalhes
  • Ramiro foi peça importantes nos últimos títulos do Grêmio

    Pai de Ramiro revela conversas adiantadas com o Corinthians e fala em acerto ainda nesta semana

    ver detalhes
  • Matias Ávila, diretor financeiro, e Roberto Gavioli, gerente financeiro, em coletiva nesta quarta-feira

    Corinthians confirma déficit em 2018, mas prevê explosão de receitas com TV e patrocínios

    ver detalhes
  • Meio campista está bem perto de se tornar novo reforço do Corinthians

    Diretor do Fluminense confirma 'sim' de M. Gabriel e Corinthians se aproxima de acerto por Sornoza

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes