Flávio Adauto revela conversa por volta de bandeirões nas arquibancadas do futebol paulista

Flávio Adauto revela conversa por volta de bandeirões nas arquibancadas do futebol paulista

Por Meu Timão

10 mil visualizações 100 comentários Comunicar erro

Dirigente afirmou que gostaria de ver uma festa mais completa na Arena Corinthians

Dirigente afirmou que gostaria de ver uma festa mais completa na Arena Corinthians

Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Com a melhor média de público deste Campeonato Brasileiro, o Corinthians tem contado com muito apoio da Fiel em jogos na Arena. Apesar da linda festa proporcionada pela torcida, seja com mosaicos ou com as músicas de apoio, quem frequenta a arquibancada ainda sente falta de algumas coisas, como os sinalizadores e bandeirões.

Mesmo depois de nota publicada pedindo que a torcida parasse de acender os sinalizadores por conta das multas aplicadas, o clube, segundo o dirigente Flávio Adauto, se preocupa e concorda com o interesse dos torcedores que vão a Itaquera. Por isso, repassa as reivindicações da torcida para os órgãos competentes.

"Atendendo a pedidos dos torcedores, passamos isso para conhecimento da Federação, a gente repassa. Somos favoráveis a toda manifestação que dê desenvolvimento para a continuidade do jogo", afirmou ao Bate Bola, da ESPN.

Na busca pela liberação do artefato pirotécnico, os torcedores têm os acendido em todo jogo no estádio alvinegro como forma de protesto e tentativa de mudança. Apesar disso, alguns veem a atitude como ruim para o Corinthians. Flavio Adauto, no entanto, discorda que isso tenha atrapalhado o clube.

"As vezes você vê a falta de algo mais (nos estádios). Eu vejo no Rio de Janeiro, uma festa muito maior com os bandeiras. A torcida é a coisa mais importante que o Corinthians tem. Eu venho da arquibancada também, acho a torcida como a coisa mais importante do clube. Todo mundo sabe que o Corinthians como DNA, por sua origem, é um clube de massa, tem a torcida como alicerce para tudo, seja o bem ou o mal. Dizer que a torcida atrapalhou neste ano é um absurdo", disse o diretor de futebol.

"Isso dos sinalizadores, eles dizem que é uma forma de protestar contra os órgãos organizadores do futebol. O Corinthians pede que voltem as bandeiras, por que eles pedem e o Corinthians se associa por que também acha bonito", completou.

Veja mais em: Flávio Adauto, Arena Corinthians e Torcida do Corinthians.

Veja Mais:

  • Corinthians de Romero foi derrotado pelo Grêmio por 1 a 0 no fim do primeiro turno

    Cruzeiro só empata, Corinthians mantém posição, mas vê distância para o G6 aumentar

    ver detalhes
  • Fessin anotou o único gol do Corinthians no José Liberatti

    Com goleiro Filipe, Corinthians sai atrás, empata, mas é superado pelo Palmeiras no Paulista Sub-20

    ver detalhes
  • Corinthians caiu para o Grêmio, na Arena Corinthians

    Corinthians chega a 16 derrotas em 2018; falta uma para igualar pior temporada nesta década

    ver detalhes
  • Time comandado por Arthur Elias conquistou nova vitória na temporada de 2018

    Cacau sai do banco, marca golaço e dá vitória ao Corinthians feminino fora de casa

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes