Gerente do Corinthians fala sobre proposta do Bordeaux por Guilherme Arana

Gerente do Corinthians fala sobre proposta do Bordeaux por Guilherme Arana

Por Meu Timão

11 mil visualizações 112 comentários Comunicar erro

Guilherme Arana é cobiçado por times europeus há meses

Guilherme Arana é cobiçado por times europeus há meses

Foto: Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

O Corinthians tem em mãos uma proposta do Bordeaux, da França, pelo lateral-esquerdo Guilherme Arana. De acordo com publicação do jornal Lance!, os franceses estão dispostos a pagar 12 milhões de euros (R$ 45 milhões) pelo atleta. O Timão, por sua vez, se vê otimista a respeito da permanência do jogador ao menos até o fim desta temporada.

Em entrevista ao jornal, Alessandro Nunes, gerente de futebol do Corinthians, falou sobre a proposta do Bordeaux. De acordo com o dirigente, é difícil cravar que o Bordeaux aceitaria esperar até dezembro, mas há de fato por parte do Timão a recusa em se desfazer do lateral na atual janela de transferências.

"Em tese, sim (Bordeaux aceita esperar). Mas não posso simplesmente acreditar numa resposta sendo que a janela vai até o mês que vem. Uma oportunidade pode aparecer no meio do caminho e não dá para se apegar a isso. Quem tem de responder é o Bordeaux se realmente quer aguardar até dezembro, não posso responder pelo Bordeaux", disse.

Leia também:
Casagrande exalta Arana e dá recado ao Corinthians sobre interesse europeu: 'Tem como segurar sim'
Arana publica chapéu em rede social e ganha parabéns de companheiros
Guilherme Arana diz que não recebeu propostas e quer ficar no Corinthians

"Uma coisa bastante clara é que o Arana não deva sair nessa janela agora, queremos segurá-lo até dezembro. Ele sabe disso, vive o melhor momento da carreira, seria até ruim para ele interromper essa evolução como atleta. Estamos falando de mais uns cinco meses de temporada, com torneios importantes, e não se pode abrir mão de um momento técnico como esse. Ele tem sido muito compreensivo e está muito feliz", completou.

Vale destacar que, dos 12 milhões de euros (R$ 45 milhões) oferecidos por Arana, o Corinthians teria de "devolver" 3 milhões de euros (R$ 11 milhões) para exercer o direito de compra do zagueiro Pablo. Na prática, o Timão receberia cerca de R$ 13,5 milhões, já que é dono de apenas 40% dos direitos econômicos do lateral.

Veja mais em: Guilherme Arana e Mercado da bola.

Veja Mais:

  • Roger marcou o segundo gol corinthiano no duelo deste domingo

    Corinthians vira nos acréscimos, mas ainda leva gol de empate e tropeça no Vitória

    ver detalhes
  • Corinthians empatou com o Vitória em 2 a 2 nesta rodada

    Concorrentes tropeçam, e Corinthians abre leve distância para Z4; veja classificação

    ver detalhes
  • Ralf foi eleito craque da partida no entendimento dos torcedores do Corinthians

    Veteranos são eleitos 'craques' do Corinthians no Barradão; Avelar beira nota zero

    ver detalhes
  • Jadson foi autor do primeiro gol do Corinthians contra o Vitória, em Salvador

    Jadson reconhece situação desconfortável do Corinthians no Brasileiro e lamenta 'gols dados'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes