Prejudicado, líder Corinthians fica no empate com o Flamengo em Itaquera

Corinthians Corinthians 1 x 1 Flamengo Flamengo

Brasileirão 2017

Prejudicado, líder Corinthians fica no empate com o Flamengo em Itaquera

Treinador do Corinthians lamentando o empate contra o Flamengo

Treinador do Corinthians lamentando o empate contra o Flamengo

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Um jogo à altura do chamado Clássico das Multidões. Com direito a mosaico da Fiel antes de a bola rolar, o líder Corinthians ficou no empate com o Flamengo neste domingo, na Arena em Itaquera, por 1 a 1. A partida, que colocou frente a frente dois dos principais candidatos ao título nacional, ficou marcada por um erro grosseiro da arbitragem.

Com 41 pontos, o Corinthians volta a campo na próxima quarta-feira, diante do Atlético-MG, no Mineirão, às 21h (de Brasília). Em caso de vitória, o Timão fatura, com duas rodadas de antecedência, o primeiro turno do Campeonato Brasileiro.

Que lambança, hein?!

Doze minutos. Foi o suficiente para o Corinthians abrir o placar da Arena – ou não, já que o árbitro assistente Pablo Almeida da Costa viu o que ninguém percebeu: impedimento inexistente de Jô. O camisa 7 alvinegro recebeu passe de Maycon na pequena área e, mesmo em posição legal, teve gol equivocadamente anulado pelo bandeira.

A lambança da arbitragem não fez o Corinthians tirar o pé do acelerador no primeiro tempo. Pelo contrário. Organizada, a equipe de Fábio Carille passou a trocar passes em velocidade em busca de espaços na defesa do Flamengo, que tentava surpreender os donos da casa pelos lados do campo, sobretudo com Diego e Éverton Ribeiro.

A qualidade individual do time da Gávea não foi páreo para a força coletiva do Timão na etapa inicial. Aos 21 minutos, o zagueiro Balbuena percorreu metade do campo com a bola no pé e tocou para Jô em profundidade. O atacante, no mano a mano com Pará, ajeitou para a perna esquerda e arrematou firme rasteiro no canto esquerdo do goleiro Diego Alves, que pouco pôde fazer para evitar o tento preto e branco.

À frente do placar, o Corinthians de Carille dava início ao que sabe fazer de melhor: contra-atacar de maneira ágil, pegando o sistema defensivo rival desprevenido. A equipe visitante, por sua vez, mal levava perigo à meta do goleiro Cássio.

Antes do intervalo, porém, uma baixa inesperada ao técnico Fábio Carille. O meia Marquinhos Gabriel sentiu dores musculares e precisou ser substituído. Giovanni Augusto, que havia sido escalado contra Fluminense e Patriotas (COL), deixou o banco de reservas na vaga do camisa 31.

Tirou o pé...

Todo bom time começa por um bom goleiro. Sorte do Corinthians ter Cássio, excepcional. O camisa 12, expoente do líder do Brasileirão, fez milagre ao defender cabeçada à queima-roupa do zagueiro Juan.

A bola parada parecia ser o único caminho para o Flamengo pressionar o Corinthians, que fechava espaços corriqueiros em sua zaga, desfalcada por Pablo. Mas até mesmo a equipe que melhor se defende na Série A pode falhar. Numa bola desviada dentro da área, Réver, livre de marcação, emendou belo voleio e superou o goleiro Cássio.

O gol do Flamengo foi como um golpe aos comandados de Fábio Carille, que já não atacavam como no primeiro período. O técnico, então, promoveu as entradas de Pedrinho e Camacho nas vagas de Clayson e Gabriel, com o intuito de voltar a ter a posse da bola e, quem sabe, incomodar Diego Alves.

Precisando da vitória, o time visitante controlava as ações dentro de campo e, por isso, conquistou resultado importante na Arena Corinthians: 1 a 1. Apesar do empate amargo, o Timão segue na liderança da Série A de forma absoluta, podendo terminar a 17ª rodada a nove pontos do vice Grêmio.

Escalações

Corinthians: Cássio; Fagner, Balbuena, Pedro Henrique e Guilherme Arana; Gabriel e Maycon; Marquinhos Gabriel, Rodriguinho e Clayson; Jô (capitão)

Flamengo: Diego Alves; Pará, Juan, Réver (capitão) e Trauco; Cuéllar, Márcio Araújo e Diego; Éverton Ribeiro, Everton e Guerrero

Veja mais em: Crônica, Campeonato Brasileiro, , Jogos Históricos e Erros de arbitragem.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida entre Corinthians e Flamengo

  • 1000 caracteres restantes