Marcelinho Carioca relembra quase artilharia do Brasileirão e culpa Luxemburgo por fracasso

Marcelinho Carioca relembra quase artilharia do Brasileirão e culpa Luxemburgo por fracasso

Por Meu Timão

4.5 mil visualizações 43 comentários Comunicar erro

Marcelinho é o quinto maior artilheiro da história corinthiana

Marcelinho é o quinto maior artilheiro da história corinthiana

Divulgação

O Corinthians nunca terminou uma edição do Campeonato Brasileiro com um de seus jogadores como artilheiro da competição. Isso pode mudar neste ano já que Jô lidera o ranking com 11 gols marcados. Isso, porém, poderia ter acontecido em 1998 com Marcelinho Carioca.

O ex-jogador relembrou o ano em que marcou 19 gols no campeonato nacional e viu Viola, no Santos, levar o título de artilheiro com 21. Para Marcelinho, ele teria conseguido o feito no final da temporada.

"Em 1998, eu teria sido artilheiro do Campeonato Brasileiro. Com certeza absoluta", afirmou o ex-jogador em entrevista ao UOL Esporte.

Leia também:
Em semana de 'sonhos agradáveis', Corinthians lista jogadores mais desgastados do elenco
Dois clubes brasileiros usam empresários para sondar possível saída de Carille do Corinthians
Atacante do Fluminense crava Corinthians como campeão do Brasileiro
Corinthians tem apenas quatro jogos nos próximos 33 dias; Sul-Americana segue indefinida

A artilharia não veio, segundo Marcelinho, por causa de Vanderlei Luxemburgo. Na época técnico do Timão, o atual comandante do Sport afastou o Pé de Anjo por três jogos por conta de comportamento inadequado.

"Ele estava tentando achar um motivo para pegar no meu pé. Houve uma discussão com o segurança e eu retruquei. Nós discutimos no corredor (do hotel) porque ele ficava tomando conta de todo mundo lá, mas ninguém fazia nada de errado. No almoço, o Vanderlei disse que eu estava fora", explicou o ex-atacante.

"Estranho o cara tirar o artilheiro do time, o craque do Brasileiro. Não tinha motivo. Perdi a artilharia por isso. Fiz gols em todas as finais, com certeza teria sido artilheiro, sem tirar os méritos do Viola, que conquistou isso. Mas eu teria sido o artilheiro", completou.

Segundo Marcelinho Carioca, a confusão foi causada por uma discussão na concentração da equipe com seguranças no dia anterior do afastamento. A reportagem do UOL também procurou Luxermbugo, mas o técnico, por meio de sua assessoria, disse que o assunto já foi abordado em outras ocasiões e não seria comentado agora.

Se não conseguiu em 1998, Marceinho Carioca agora fica na torcida por outro corinthiano. "Torço para que o Jô consiga essa façanha. Tem tudo para isso, ainda mais agora que ele está focado, competitivo e centrado", afirmou.

Veja mais em: Ex-jogadores do Corinthians, e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Henrique marcou primeiro gol oficial do Corinthians na temporada de 2019

    Henrique faz no fim, Corinthians empata com São Caetano e deixa impressão positiva para o Paulistão

    ver detalhes
  • Duilio Monteiro Alves, diretor de futebol, falou em nome da diretoria na Arena Corinthians

    Luan, Love, Arana, Romero e Ramires: diretor do Corinthians atualiza negociações

    ver detalhes
  • Avelar foi eleito o pior corinthiano em campo neste domingo pela torcida

    Avelar é criticado, e pedidos por Arana marcam repercussão da estreia corinthiana nas redes sociais

    ver detalhes
  • Melhor corinthiano em campo, Fagner foi também o capitão do Timão neste domingo

    Abismo entre laterais do Corinthians é destacado por torcedores após empate com São Caetano

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes