Em dia de professor na Fazendinha, Marcelinho Carioca dá receita para Corinthians ser campeão

Em dia de professor na Fazendinha, Marcelinho Carioca dá receita para Corinthians ser campeão

Por Meu Timão

Ídolo do Timão, Marcelinho ensinou cobranças de falta na Fazendinha

Ídolo do Timão, Marcelinho ensinou cobranças de falta na Fazendinha

Foto: Rodrigo Coca/Divulgação

Campeão mundial (2000) e bicampeão brasileiro (1998 e 1999) com o Corinthians, Marcelinho Carioca esteve no Parque São Jorge nesse sábado para um evento para lá de especial. Exímio cobrador de faltas durante a carreira de atleta, o ex-jogador ensinou o fundamento a pais e filhos torcedores do Timão no evento “Uh, Marcelinho!”, realizado na Fazendinha.

“Foi um grande presente para mim ver tantos pais e filhos se divertindo nesta ocasião tão especial. Nossa mensagem aqui é fazer as coisas com alegria e saber que é preciso se dedicar para melhorar e conseguir os objetivos. Graças a Deus, eu tive um dom que Deus me deu, a técnica de bater falta. Os profissionais podem e devem arriscar mais, eles têm que confiar. No Corinthians, o Jadson tem esse dom, ele bate bem de curta distância, tem que arriscar mais de longe também. É uma grande arma nas partidas”, afirmou Marcelinho Carioca, em declaração ao site Lance!.

Leia também:
Presentão! Papais vão à Arena Corinthians neste domingo; confira imagens
Com três jogadores e ídolo, Corinthians surpreende torcedores em ação do dia dos pais
Especial Dia dos Pais: conheça os papais do elenco do Corinthians

A atividade, promovida pela empresa Sabiar em parceria com os departamentos cultural e de responsabilidade social do Corinthians, contou com a presença da equipe de Futebol de Amputados, de atletas do futebol feminino de Masters do clube e de Edilson Capetinha, companheiro de Marcelinho no Timão.

Evento contou com atletas do time de Futebol de Amputados do clube

Evento contou com atletas do time de Futebol de Amputados do clube

Rodrigo Coca/Divulgação

“Muitos aqui nos inspiraram com um grande poder de superação. As mulheres bateram um bolão, e tem sido lindo ver cada vez mais mulheres jogando futebol. O pessoal do Futebol de Amputados deu um show. No fim, a aula foi deles também”, exaltou o ídolo corinthiano.

O ex-meio-campista esbanjou habilidade ao bater na bola. Ele também deu orientações aos “alunos” e até disputou um rachão com os torcedores ao fim da clínica.

Como esperado, Marcelinho comentou rapidamente o momento do Corinthians, líder invicto do Campeonato Brasileiro. Para ele, o Timão só levará o sétimo troféu nacional para o Parque São Jorge ao fim da temporada se seguir a mesma linha de trabalho.

“O Corinthians está muito bem, muito organizado e eficiente. Se mantiver o trabalho bem feito, com muita humildade e concentração, o título não escapa. Se vai ser campeão invicto, eu não sei, mas tem tudo para ser campeão”, completou.

Edilson Capetinha também compareceu ao Parque São Jorge

Edilson Capetinha também compareceu ao Parque São Jorge

Rodrigo Coca/Divulgação

Veja mais em: Ídolos do Corinthians, Parque São Jorge e Ações de marketing.

Veja Mais:

  • Com bandeirões e muita festa, Fiel incentivou Timão no último treino aberto

    Corinthians abre à torcida último treino antes do jogo da taça

    ver detalhes
  • Kazim tatua taça do Brasileirão com provocação a rivais do Corinthians

    Kazim tatua taça do Brasileirão com provocação a rivais do Corinthians

    ver detalhes
  • Jô e Jadson voltaram a treinar no campo nesta quinta-feira

    Treino do Corinthians tem retornos, academia lotada e possível trote de despedida

    ver detalhes
  • Corinthians relembrou os dois títulos conquistados em 2017

    Nas redes sociais, Corinthians relembra dois títulos no ano e provoca antis

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes