Pentacampeão pela Seleção foi 'importantíssimo' na ascensão do hoje corinthiano Clayson

Pentacampeão pela Seleção foi 'importantíssimo' na ascensão do hoje corinthiano Clayson

Por Meu Timão

Clayson se torou 'xodó' do Corinthians nas últimas semanas

Clayson se torou 'xodó' do Corinthians nas últimas semanas

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Um dos destaques do Corinthians na reta final do primeiro turno do Campeonato Brasileiro, o meia-atacante Clayson deve sua ascensão, em partes, a um ex-jogador pentacampeão do mundo pela Seleção Brasileira: Juninho Paulista, hoje gerente de futebol do Ituano.

Em entrevista concedida ao portal Uol e publicada nesta quarta-feira, o jovem de 22 anos falou sobre a importância de Juninho Paulista em sua carreira. Entre 2013 e 2015, Clayson atuou na equipe profissional do Ituano mesmo ainda bastante novo. Somente então foi comprado pela Ponte Preta e, no último mês de maio, transferido ao Corinthians.

"Ele (Juninho Paulista) é importantíssimo na minha passagem por lá (Ituano). Sempre que podia ele falava comigo. Ele me deu muitos conselhos, treinava com a gente e sempre me ensinando. Dizia para eu ficar pouco com a bola no pé, em 80% das vezes jogar para a frente. Ele me ajudou bastante dentro e fora também do campo", contou.

No que diz respeito às dicas além das quatro linhas, Clayson valorizou os conselhos que freavam qualquer possibilidade de empolgação. Inspirado em Juninho Paulista, o meia-atacante do Corinthians também tem como meta se tornar ídolo em algum clube (por que não o Timão?) e chegar à Seleção Brasileira.

"Ele me ajudou a ser mais centrado e a ficar mais tranquilo. Me ajudou a não ter a empolgação de moleque, às vezes por já jogar, porque eu já estava no profissional. Sempre me deixou com os pés no chão. Eu vejo o Juninho como um exemplo a ser seguido. Chegou na Inglaterra, foi ídolo no Middlesbrough, na Seleção Brasileira, então com certeza é uma inspiração", comentou.

Clayson, vale lembrar, é hoje tido pelo técnico Fábio Carille como uma das principais opções no banco de reservas. A versatilidade do jovem é que lhe garantiu tal status: se tornou suplente imediato de Romero e Jadson.

Veja mais em: Clayson.

Veja Mais:

  • Com saída de Adriano, Marquinhos herdou a camisa 10 do Timão na Libertadores 2012

    Campeão em 2011, Marquinhos diz ter celebrado hepta do Corinthians e ensaia retorno

    ver detalhes
  • Golaço de Rodriguinho sobre o Sport entrou em vídeo de emissora italiana

    Canal de esportes da Itália produz vídeo com cinco gols mais belos do hepta do Corinthians

    ver detalhes
  • Kazim tatua taça do Brasileirão com provocação a rivais do Corinthians

    Kazim tatua taça do Brasileirão com provocação a rivais do Corinthians

    ver detalhes
  • Com bandeirões e muita festa, Fiel incentivou Timão no último treino aberto

    Corinthians abre à torcida último treino antes do jogo da taça

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes