Blog divulga valores de obras malfeitas e inacabadas pela Odebrecht na Arena Corinthians

Blog divulga valores de obras malfeitas e inacabadas pela Odebrecht na Arena Corinthians

Por Meu Timão

5.5 mil visualizações 48 comentários Comunicar erro

Andrés Sanchez, durante evento de entrega das obras da Arena

Andrés Sanchez, durante evento de entrega das obras da Arena

Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

O Corinthians está próximo de dar um passo importante em relação à entrega formal da Arena Corinthians. Segundo balanço divulgado pelo blog do Perrone nesta quarta-feira, a Odebrecht, responsável pela construção do estádio, deixou de realizar cerca de R$ 151 milhões em obras.

Tal valor foi apontado pela auditoria produzida pelo escritório Cláudio Cunha Engenharia Consultiva. A empresa também entende que o Corinthians necessitará gastar em torno de R$ 63 milhões a fim de refazer obras malfeitas pela construtora. Além disso, há o entendimento de que a companhia deve desembolsar multa de R$ 23 milhões por não entregar o empreendimento no prazo combinado.

A construtora vem alegando, desde o início das auditorias, que realizou tudo conforme combinado com o clube. O Corinthians, por sua vez, espera abater boa parte da dívida do estádio se conseguir provar o rombo de ao menos R$ 214 milhões deixado pela Odebrecht.

Procurada pelo blog, a Odebrecht afirmou desconhecer o estudo da Cláudio Cunha Engenharia Consultiva. O escritório, de acordo com a construtora, não estaria credenciado na associação de classe que reúne os principais auditores do país. Ela também garante ter cumprido à risca o contrato firmado com o Corinthians.

Descaso? – Um relatório feito pela empresa Molina & Reis Advogados, contratada pelo Corinthians para coordenar a auditoria da Arena, apontou descaso do clube na fiscalização do planejamento do estádio. Trechos do documento, entregue à diretoria alvinegra no início de 2017, foram divulgados no último mês de abril.

O que precisa der reformado

Drenagem e terraplenagem – R$ 20,04 milhões
Estrutura de concreto – R$ 2,1 milhões
Acabamentos – R$ 19,14 milhões
Instalações prediais – R$ 12,1 milhões
Ar condicionado e instalações mecânicas – R$ 4,2 milhões
Acessos e estacionamentos – R$ 1,1 milhão
Cobertura – R$ 1,8 milhão
Urbanização e paisagismo – R$ 3 milhões

O que deixou de ser feito

Drenagem e terraplenagem – R$ 1,76 milhão
Fundações e contenções – R$ 14,89 milhões
Estrutura de concreto – R$ 254,8 mil
Acabamentos – R$ 92,25 milhões
Instalações prediais – R$ 14,9 milhões
Sistemas eletrônicos – R$ 17,65 milhões
Ar condicionado e instalações mecânicas – R$ 2,1 milhões
Acesso e estacionamentos – R$ 4 milhões
Urbanização e paisagismo – R$ 3,6 milhões

Veja mais em: Arena Corinthians, Diretoria do Corinthians e Roberto de Andrade.

Veja Mais:

  • Em noite abaixo tecnicamente, Timãozinho dá adeus à Copa São Paulo; Vasco fará final contra São Paulo

    Corinthians sucumbe nos pênaltis e cai na semifinal da Copinha 2019

    ver detalhes
  • Léo Santos está de volta ao time titular; Corinthians busca primeira vitória após volta de Carille

    Carille saca Marllon e define Corinthians para jogo contra Guarani

    ver detalhes
  • A saída de Romero do Corinthians | #113

    VÍDEO: A saída de Romero do Corinthians | #113

    ver detalhes
  • Gustagol estará outra vez no comando de ataque corinthiano; Carille leva 21 jogadores

    Sem Boselli e Manoel, Carille relaciona 21 jogadores para duelo com Guarani

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes