Gringo do arquirrival recorda derrota na Arena Corinthians e cita até críticas de esposa e filho

Gringo do arquirrival recorda derrota na Arena Corinthians e cita até críticas de esposa e filho

Por Meu Timão

3.5 mil visualizações 29 comentários Comunicar erro

Guerra, à esquerda, ainda relembra derrota na Arena Corinthians

Guerra, à esquerda, ainda relembra derrota na Arena Corinthians

Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Uma das mais heroicas vitórias do Corinthians na atual temporada foi recordada nesta quarta-feira pelo meia Guerra, do Palmeiras. Em entrevista concedida ao portal Globoesporte.com, o venezuelano citou críticas até mesmo de familiares após a derrota por 1 a 0 para o arquirrival na Arena Corinthians, no último mês de fevereiro, pelo Campeonato Paulista.

"O que passou, passou, as críticas, tudo. São coisas do futebol. Eu superei esse erro, as críticas da minha esposa, do meu filho, que são as que me importam, porque eles estão comigo em casa. Eu aceito críticas, o que eu nunca vou aceitar é que me digam palavrões. Mas são coisas do futebol, tem de seguir adiante", declarou.

A repercussão negativa após aquele Dérbi atingiu Guerra em cheio porque foi ele quem acabou desarmado por Maycon no lance que resultou no gol de Jô. O clássico também ficou marcado pela expulsão injusta de Gabriel, ainda no primeiro tempo, e pela raça corinthiana em busca o resultado positivo mesmo atuando metade da partida com um atleta a menos.

Corinthians e Palmeiras voltam a se enfrentar na Arena apenas no dia 4 de novembro, agora pelo segundo turno do Brasileirão. No último embate entre as equipes, o time de Guerra também não levou a melhor: vitória do Timão no Allianz Parque por 2 a 0, pelo primeiro turno do certame nacional. Na ocasião, o venezuelano enfrentava um problema particular.

"Falta muito tempo para jogar contra o Corinthians. Espero chegar lá na melhor forma física possível, porque lembro que jogamos aqui contra o Corinthians, e eu estava fora cinco dias pelo problema com meu filho. Não tive uma preparação boa. Prefiro ir jogo a jogo, treino a treino, e chegar bem lá", declarou, se referindo ao acidente doméstico do filho.

Em tempo: Corinthians e Palmeiras estão desde o início do Campeonato Brasileiro disputando posições na parte de cima da classificação. Neste Dérbi particular, o Timão é quem vai levando a melhor: os comandados de Fábio Carille, afinal de contas, são líderes com 50 pontos conquistados, contra os 36 do arquirrival, quarto colocado.

Veja mais em: Dérbi, Campeonato Brasileiro e Campeonato Paulista.

Veja Mais:

  • Clayson, Luan, Sornoza, Marciel e Matheus Matias: confira o vaivém no Corinthians neste fim de 2018

    Corinthians no mercado da bola: saiba quem chega, quem sai e quem negocia com o Timão para 2019

    ver detalhes
  • Corinthians tem compromisso importante ainda em 2018 para tentar classificação na Superliga

    Duelo pela Superliga e amistoso de futebol americano marcam últimos compromissos do Timão no ano

    ver detalhes
  • Boa parte da grana deixada pelo torcedor na Arena Corinthians não vai para o Fundo

    Despesas levam R$ 15,5 mi da bilheteria do Corinthians em 2018; veja levantamento do Meu Timão

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians deposita altas doses de esperança no retorno de Carille

    Torcida do Corinthians coloca retorno do Carille no topo dos assuntos mais comentados do Brasil

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes