Fagner alerta para velocidade e pede atenção do Corinthians nos primeiros minutos contra o Santos

Fagner alerta para velocidade e pede atenção do Corinthians nos primeiros minutos contra o Santos

Por Meu Timão

Fagner acredita que primeiros minutos do jogo de domingo são essenciais para bom resultado

Fagner acredita que primeiros minutos do jogo de domingo são essenciais para bom resultado

Foto: Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

De volta aos treinos depois de período com a Seleção Brasileira, Fagner já está focado na próxima partida do Corinthians. Ciente da capacidade do rival, o lateral cobra atenção dos companheiros para o confronto deste domingo, às 16h, na Vila Belmiro. Para o jogador, os primeiros momentos da partida são primordiais para o Timão.

"A equipe do Santos é sólida, aposta muito na velocidade dos atacantes, para puxar contra-ataques. Tem um jogador que arma o jogo, que tem bom passe, que é o Lucas Lima. Então temos que tomar cuidado para não sermos surpreendidos, principalmente no começo do jogo. Temos que tirar a velocidade da equipe deles. Nos primeiros 15, 20 minutos, eles tentam pressionar. Isso é uma coisa que eu acredito que o Santos vá fazer", afirmou o atleta, em entrevista concedida após o treino desta quinta-feira.

Leia também:
CBF escala árbitro da final do Paulistão-17 para clássico entre Corinthians e Santos
Clayson afirma que dificuldade em clássico não pode interferir no estilo de jogo do Corinthians
Gabriel projeta sequência de 'finais' do Corinthians e diz: 'Somos a equipe a ser batida'

Apesar da dificuldade em ter de parar o rápido time santista, um fator soa como positivo para o Corinthians. Depois das derrotas para Vitória e Atlético Goianiense, duas equipes muito fechadas, Fagner acredita que os donos da casa vão mais abertos para o clássico, dando espaço para os comandados de Carille desempenharem seu futebol. Além disso, o jogo ganha em importância pela situação das equipes na tabela.

"Normalmente, contra equipes de cima, o jogo é de igual para igual. Com equipes de baixo da tabela, que vêm mais fechadas, sua margem de erro passa a ser menor. Destruir é mais fácil que construir. A gente tem que aprender com cada jogo. O jogo contra o Atlético-GO nos deu uma maturidade. No domingo, temos que fazer um grande jogo, com nível alto de atuação individual e coletiva", analisou.

"Tem muito jogo ainda. É um concorrente direto, por estar em terceiro lugar. Resultado não tem como controlar, mas temos como ir e fazer um grande jogo. É a nossa mentalidade para domingo", completou.

Junto dos maiores espaços esperados para atuar, o que também gera otimismo é a possibilidade de voltar a ter o "time ideal" de Carille em campo. Como lembrado pelo Meu Timão, o Corinthians só entrou em campo quatro vezes com o que é considerado a equipe titular.

"A gente fica feliz não só pelo fato de o Fábio poder escalar a equipe que ele acha ideal, mas pelo fato de o mínimo de jogadores estar no departamento médico", concluiu.

Veja mais em: Fagner e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Pablo já disse mais de uma vez que quer permanecer no Corinthians

    Corinthians sobe oferta e espera sim de Pablo: 'Espero que seja suficiente'

    ver detalhes
  • Alvo do Corinthians, Roger deve ser oficializado como reforço do Internacional nos próximos dias

    Decisão de Roger não é repudiada pela diretoria do Corinthians: ‘Faz parte...’

    ver detalhes
  • Ginásio Wlamir Marques recebeu jogo 4 da final do NBB em 2017

    Corinthians faz pré-inscrição na Liga Ouro e reativa basquete após 21 anos

    ver detalhes
  • 32 mil torcedores foram ao estádio em Itaquera no último treino aberto

    Por agradecimento à Fiel, Corinthians deve abrir treino no sábado na Arena

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes