Neto detona repercussão do gol de Jô: 'Por que vocês da Globo não falam toda a verdade?'

Neto detona repercussão do gol de Jô: 'Por que vocês da Globo não falam toda a verdade?'

Por Meu Timão

233 mil visualizações 267 comentários Comunicar erro

Neto não poupou críticas em meio à polêmica do gol de Jô

Neto não poupou críticas em meio à polêmica do gol de Jô

Reprodução/TV

Se tem alguém que pareceu não gostar nem um pouco da repercussão do gol de mão do centroavante Jô na vitória do Corinthians por 1 a 0 sobre o Vasco, este alguém é Neto. O ex-jogador e atual apresentador do Donos da Bola, da TV Bandeirantes, soltou o verbo na edição desta segunda-feira de seu programa.

A principal crítica de Neto foi dirigida a Tadeu Schmidt, apresentador do programa Fantástico, exibido nas noites de domingo na TV Globo. Em sua última edição, no quadro dos cavalinhos do Brasileirão, Jô foi bastante criticado por não ter avisado a equipe de arbitragem a respeito da irregularidade do lance que culminou na vitória do Corinthians.

"Não vem com esse papo furado. Ó o que o Tadeu Schmidt falou ontem no Fantástico: ‘Ô Jô, seria tão legal para o mundo do futebol se você falasse, por exemplo, que foi com a mão’. Ué, por que vocês da Globo não falam toda a verdade, então, do que acontece? Por que nós da televisão não falamos toda a verdade? Por que vocês não falam que foram na zona, que traíram a mulher, que ganham dinheiro pra caramba? Só o jogador de futebol tem que ser 100% honesto?", disparou, em tom de irritação, o ex-jogador.

Na sequência, ao argumentar com os demais presentes no estúdio, Neto fez questão de declarar que não avisaria o árbitro se estivesse na posição de Jô - repetindo assim o discurso proferido horas mais cedo por Rodriguinho, no CT do Corinthians. O apresentador ainda declarou já ter cavado inúmeros pênaltis inexistentes, usando assim da chamada malandragem em algumas situações futebolísticas ao longo de sua carreira.

"No futebol, se eu tivesse feito o gol, eu não ia avisar o juiz. Eu. Cada um pensa do jeito que quiser. Sabe quantos pênaltis eu já cavei na minha carreira? Muitos, e que não foram. Sabe quantas bolas entraram dentro do gol e o goleiro tira a bola e não avisa? Muitas", disse.

Por fim, vale ressaltar que Neto também criticou Jô. Não pelo gol marcado com o auxílio do braço, mas sim por supostamente "se fingir de santo". Ao término do jogo contra o Vasco, o camisa 7 do Corinthians alegou não saber se a bola havia tocado ou não em seu braço.

"Agora, não vem dar de santo, do jeito que o Jô fez: ‘Ah, eu sou evangélico, sou de Deus’. Pô, o Fernandinho Beira-Mar é de Deus. O Marcola é de Deus. Todo mundo é de Deus, ou não, tem muita gente que não acredita e que tem que respeitar", argumentou.

Veja mais em: Neto e .

Veja Mais:

  • Resta apenas o acerto dos jogadores com seus novos clubes para selar o negócio

    Corinthians e Atlético-MG se acertam por troca de atacantes; jogadores aceitam conversar

    ver detalhes
  • Uendel pode acertar retorno para o Corinthians em breve

    Empresário confirma que Corinthians deve acertar retorno de Uendel em janeiro

    ver detalhes
  • Ramiro assinou com o Corinthians nesta quinta-feira e é o quinto reforço para 2019

    Novo reforço do Corinthians, Ramiro se aproxima de Jadson e Luan em estatísticas do Brasileirão

    ver detalhes
  • Corinthians jogou boa parte da temporada sem estampa no espaço principal do uniforme

    Otimismo do Corinthians com patrocínio contrasta com fracasso inédito desde era Kalunga

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes