Na bronca, Camacho fala em 14 finais pelo Brasileirão após eliminação na Argentina

Na bronca, Camacho fala em 14 finais pelo Brasileirão após eliminação na Argentina

Camacho entrou como titular diante o Racing, na Argentina

Camacho entrou como titular diante o Racing, na Argentina

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Campeonato Brasileiro é disputado por pontos corridos, mas para Camacho os últimos 14 jogos do Corinthians serão como finais da competição. Foi isso que o volante garantiu após a eliminação da equipe na Sul-Americana, na noite desta quarta-feira, em Buenos Aires, na Argentina.

"Isso é uma coisa que acontece (eliminação), agora temos 14 finais no Brasileirão", afirmou o camisa 29, que deve voltar ao banco de reservas na primeira delas, diante do São Paulo, domingo, no estádio do Morumbi - Maycon, que ficou fora diante do Racing por desgaste, deve voltar a ficar disponível no Majestoso.

Leia também:
Rodriguinho pede desculpas ao elenco por expulsão, mas opta pelo silêncio
Fagner pede união contra Conmebol após queda do Corinthians: 'Somos pais de família'
Revoltado, Balbuena dispara contra árbitro uruguaio após eliminação: 'Muito caseiro!'

Líder desde a quinta rodada, a equipe de Fábio Carille tem dez pontos de vantagem sobre o Grêmio, segundo colocado. Em relação ao terceiro, o Santos, a vantagem é de doze pontos. O primeiro seguiu na Copa Libertadores, enquanto o segundo está eliminado e focará no Brasileiro.

Nacional à parte, Camacho foi mais um a ficar na bronca com o árbitro no estádio El Cilindro, assim como dirigentes e companheiros dele. Após o jogo, o camisa 29 não escondeu a bronca com o árbitro uruguaio Leodan González:

"Todo mundo se irritou, o cara travou o jogo, trocou as faltas, ele controlou o jogo todo para os caras no segundo tempo", desabafou Camacho, que aproveitou para fazer uma análise do empate sem gols diante dos argentinos.

"Aguerrido, muita pancada, jogo duro de se jogar, tentamos algumas jogadas, mas ficou travado pelo árbitro", finalizou.

Veja mais em: Camacho, Copa Sul-Americana e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Vice-presidente no início dos anos 2000, Citadini é candidato nas eleições de fevereiro

    Citadini condena submissão do Corinthians à CBF e promete ir à Fifa por mudança no estatuto

    ver detalhes
  • Mateus Vital fará estreia no Corinthians logo como titular

    Vital, Pedrinho & cia: Corinthians rejuvenesce para jogo desta quarta e empolga Fiel

    ver detalhes
  • Corinthians e São Paulo se reencontram neste sábado, no Pacaembu

    Torcedores do São Paulo já se preocupam com clássico contra Corinthians; veja tweets

    ver detalhes
  • Mateus Vital será titular do Corinthians e fará assim sua estreia com a camisa alvinegra

    Carille muda todo o ataque e define Corinthians para pegar Ferroviária; Vital estreia

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes