Satisfeito com imposição do Corinthians, Fagner evita culpar Rodriguinho por eliminação

Satisfeito com imposição do Corinthians, Fagner evita culpar Rodriguinho por eliminação

Por Meu Timão

2.5 mil visualizações 56 comentários Comunicar erro

Lateral aprovou postura do Timão na Argentina

Lateral aprovou postura do Timão na Argentina

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Precisando vencer na Argentina, o Corinthians encontrou um Racing bastante cauteloso, mesmo com o mando de campo. Com o adversário muito fechado, a opção de contra-ataque não existiu para o time de Carille, que teve de se impor. Porém, quando o técnico tentou algo diferente para pressionar os donos da casa, Rodriguinho acabou expulso, dificultando muito a tarefa alvinegra. Para Fagner, no entanto, a equipe continuou bem e merece valorização por isso.

"É triste, lógico, mas a gente não tem que criticar ou jogar nada em cima do Rodrigo. Até porque a equipe continuou brigando, criando situações. Acho que é a primeira vez que eu venho jogar fora do Brasil e, mesmo com um a menos, o time se impõe da forma que fizemos. Então, a gente sai de cabeça erguida. Não sai feliz, mas ciente de que viemos aqui e jogamos de igual para igual", destacou o lateral, na zona mista do estádio El Cilindro.

Leia também:
Expulso pela primeira vez, Jô evita críticas ao árbitro e pede cabeça erguida no Brasileirão
Rodriguinho pede desculpas ao elenco do Corinthians por expulsão, mas opta pelo silêncio
Revoltado, Balbuena dispara contra árbitro uruguaio após eliminação: 'Muito caseiro!'

Bastante indignado com a arbitragem, o lateral não deixou de reafirmar que a atuação do uruguaio Leodan González atrapalhou o Corinthians. Como disse Carille, Fagner viu o time "cair na pilha" dos argentinos e se afobar na hora de tomar as decisões na partida. O destempero, porém, é tratado com normalidade pelo jogador.

"Normal, né? Não tem como, por mais que você tente manter o nível de concentração e se equilibrar dentro da partida. Além de você estar tomando pancada, que você sabe que não são tão leais, você tem a conivência do árbitro. Isso pesa um pouco e a gente acaba achando que tem que fazer a mesma coisa. É aí que o juiz entra e começa a intervir para o lado do adversário", reclamou.

Veja mais em: Fagner e Copa Sul-Americana.

Veja Mais:

  • Timão de Nathan tenta eliminar Vasco e chegar à decisão da Copa São Paulo; missão é dura

    Corinthians e Vasco decidem vaga na final da Copa São Paulo; saiba tudo

    ver detalhes
  • Mauro Boselli foi apresentado à Fiel no intervalo do jogo entre Corinthians e São Caetano

    Boselli telefonou para Carille antes de assinar com Corinthians: 'O que você espera de mim?'

    ver detalhes
  • BMG já injetou R$ 30 milhões no Timão; banco também possui ligação com Atlético-MG

    Corinthians e BMG podem costurar acordo por Luan, indica Carille

    ver detalhes
  • Carille foi convidado desta segunda-feira do programa Bem, Amigos!

    Carille detalha conselho de Ronaldo Fenômeno para voltar a treinar o Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes