Médico do Corinthians vê 'ato natural' em contratura de Jô e cita período de recuperação do atacante

3.2 mil visualizações 43 comentários

Por Vinícius Souza, Lucas Faraldo e Rafaela de Oliveira

Julio Stancati concedeu coletiva à imprensa para explicar situação de Jô

Julio Stancati concedeu coletiva à imprensa para explicar situação de Jô

Rafaela de Oliveira/Meu Timão

A notícia de que o centroavante Jô permanecerá afastado por até 15 dias dos treinamentos no Corinthians pegou o torcedor alvinegro de surpresa. No entanto, ao menos de acordo com o departamento médico do clube, não há motivo para preocupação em excesso.

Em entrevista coletiva após o treino desta quinta-feira à tarde, no CT Joaquim Grava, o médico do Timão Julio Stancati explicou o que levou a ter a contratura e projetou o retorno do atacante às atividades em até duas semanas.

“Ele ficou com uma pequena dor, um leve desconforto ontem (quarta-feira), e hoje constatamos após exames uma pequena contratura na panturrilha da perna esquerda, que vai demandar um tempinho de tratamento. Ele está impossibilitado de jogar até a próxima semana”, afirmou Stancati, reiterando a informação de que Jô está fora da partida contra o Cruzeiro, domingo, no Mineirão.

De acordo com o especialista, a contratura constatada em Jô é consequência do desgaste físico a que o elenco corinthiano vem sendo submetido na temporada. “Pelo desgaste, um ato natural. A panturrilha é um músculo de muita exigência. Por conta da sobrecarga, excesso de jogos, fim de temporada, ele teve essa pequena contratura. Felizmente não é uma lesão muito grave, não chega a ser um estiramento, uma ruptura, mas como é um músculo um pouco chato, vamos ter que tratar com cuidado”, disse, negando que tenha havido erro de avaliação do departamento em relação à prevenção do problema.

“A gente está monitorando todos. Não tem um risco específico, foi um ato comum, acontece de uma forma involuntária, ele estava cansado como os outros. Acontece”.

Leia também:
Danilo está quase pronto para a terceira tentativa de retorno após a grave lesão
Trabalhando com o pai, médico do Corinthians revela desafios e relembra complicações de Danilo

Para Stancati, existe possibilidade de Jô reforçar o Corinthians já diante do Coritiba, duelo que está marcado para o próximo dia 11, na Arena Corinthians.A previsão basicamente é de dez a 15 dias neste tipo de lesão. Esperamos que corra tudo bem e ele esteja apto a jogar no dia 11”, completou.

Sem Jô, o técnico Fábio Carille deve optar por Kazim como referência ofensiva do Corinthians contra o Cruzeiro. O inglês naturalizado turco, inclusive, treinou com bola entre os titulares nesta quinta e deve ser mantido na escalação para o embate em Belo Horizonte.

Veja mais em: , Departamento Médico e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Yuri foi a novidade do treino desta quinta-feira

    Corinthians conta com presença de Yuri Alberto e faz treino de olho no Fluminense

    ver detalhes
  • Robson Bambu foi apresentado pelo Corinthians no início de fevereiro e, até agora, atuou nove vezes pela equipe

    Robson Bambu perde espaço no Corinthians e devolução antecipada não está descartada

    ver detalhes
  • Deives marcou duas vezes na vitória do Corinthians contra a AABB

    Corinthians goleia a AABB e se classifica para as semifinais do Campeonato Paulista de Futsal

    ver detalhes
  • Marca Suzuki apareceu em fotos publicadas pelo Corinthians nesta manhã

    Torcida do Corinthians se anima com possível nova parceria do clube após fotos em rede social

    ver detalhes
  • Dra. Ana Carolina Ramos e Côrte e demais médicos do Corinthians vêm tendo trabalho nos jogos e treinos do Corinthians

    Elenco do Corinthians vive explosão de problemas musculares em junho; maio só teve um caso

    ver detalhes
  • Capa da história em quadrinhos feita por Maria Fernanda e Guilherme, de 11 anos

    Róger Guedes ganha história em quadrinhos produzida por crianças de escola estadual em Itaquera

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x