Clayson faz segundo gol consecutivo e revela diálogo no gramado do Mineirão antes do pênalti

Clayson faz segundo gol consecutivo e revela diálogo no gramado do Mineirão antes do pênalti

Por Meu Timão

Clayson marcou o gol corinthiano no empate de 1 a 1 no Mineirão

Clayson marcou o gol corinthiano no empate de 1 a 1 no Mineirão

Foto: Rodrigo Gazzanel /Agência Corinthians

Clayson assumiu a responsabilidade no Mineirão e bateu o pênalti que garantiu mais um ponto para o Corinthians no Brasileirão. Após o jogo, o meia-atacante comentou a decisão de pegar a bola para encarar o goleiro Fábio, do Cruzeiro. Segundo ele, um dos líderes do grupo teve um papel fundamental para que ele decidisse ser o batedor.

"O Fagner falou que, se eu tivesse confiança, poderia bater. Eu fui feliz, graças a Deus, pude fazer mais um gol e ajudar a equipe a conseguir um empate fora de casa", revelou.

"A gente vem trabalhando duro, para quando tiver a oportunidade poder aproveitar. Nosso batedor oficial não estava em campo, que era o Jadson, então, eu pedi para assumir e os meus companheiros confiaram em mim", completou.

Leia também:
Rodriguinho valoriza empate contra Cruzeiro e vê Corinthians forte no Brasileirão
Corinthians perde dois jogadores por suspensão para jogo contra Coritiba

O camisa 25 aproveitou para fazer o discurso de grupo. Na sua visão, apesar do destaque individual, a conquista de mais um ponto na competição foi mais importante do que seu segundo gol com a camisa do Corinthians - segundo consecutivo, já que ele tinha feito diante do São Paulo, no Morumbi.

"Fui feliz na cobrança, fiz o gol, mas acho que o mais importante foi a gente ter somado fora de casa. Agora é fazer nosso trabalho em casa para poder buscas os objetivos lá na frente", afirmou.

Clayson também comentou a queda de produção do Corinthians no segundo turno, com números bem inferiores àqueles conquistados pela equipe na primeira parte do Campeonato Brasileiro.

"Preocupa (a queda de rendimento), claro. Mas estamos trabalhando para retomar o caminho da vitória. Acho que o importante também é não perder, tem que valorizar. Foi um jogo muito difícil aqui, Cruzeiro é uma excelente equipe, acabou de ser campeã. Então, esse um ponto tem que ser valorizado", finalizou.

Veja mais em: Clayson, Fagner e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Pablo não tem permanência assegurada no Timão para a próxima temporada

    Fim da paciência: Corinthians dá ultimato e cobra resposta de empresário de Pablo

    ver detalhes
  • Corinthians anuncia uniforme especial para partida contra Atlético-MG

    Corinthians anuncia uniforme especial para partida contra Atlético-MG

    ver detalhes
  • Ralf ergueu troféu do hexa do Brasileirão antes de deixar Corinthians

    Ralf diz que não jogaria em rival do Corinthians, explica saída e opina sobre Gabriel

    ver detalhes
  • Pré-temporada de 2018 teve início nesta semana para jogadores do Timão

    Corinthians se antecipa, e jogadores realizam exames cardiológicos para 2018

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes