Pai de Carlinhos entra na Justiça para cobrar dívida do Corinthians

Pai de Carlinhos entra na Justiça para cobrar dívida do Corinthians

Por Meu Timão

Carlinhos, já profissional, é considerado promessa da base do Corinthians

Carlinhos, já profissional, é considerado promessa da base do Corinthians

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Corinthians terá de responder judicialmente por mais um de seus inúmeros calotes dados a outros clubes e empresas representantes de atletas nos últimos anos. A ação da vez possui relação com a chegada do centroavante Carlinhos ao Timão, ainda em 2014. O pai do artilheiro da Copa São Paulo de juniores 2017 cobra mais de R$ 300 mil do clube. A informação foi publicada nesta terça-feira pelo site Espn.com.br.

Carlinhos, à época com 17 anos, foi adquirido pelo Corinthians junto ao Novorizontino. Para acertar a contratação de 50% dos direitos econômicos da jovem promessa, a equipe alvinegra decidiu dividir os R$ 500 mil solicitados pelo time do interior paulista da seguinte forma: uma parcela de R$ 100 mil; outras oito de R$ 50 mil, totalizando a pedida total.

Ocorre que a diretoria do Timão passou a dar indícios do calote poucos meses depois. No início de 2017, duas notificações extrajudiciais cobrando o valor devido foram enviadas ao clube. A cúpula alvinegra, então, realizou outros dois pagamentos de R$ 100 mil, mas voltou a atrasar o repasse ao Novorizontino e, assim, foi acionada na Justiça.

Leia também:
Com três reforços do profissional, Corinthians confirma dois amistosos do Sub-20 na Espanha
Evitando erros de familiares no futebol, Carlinhos revela seu maior conselheiro no Corinthians

Ainda segundo o portal, o processo tem como autores Carlos de Lima, pai do jogador, o técnico José Antonio Domingos e outras duas companhias: Jr. Souza Esporte e Marketing e I-9 Sports Gestão, Consultoria e Intermediações de Negócios. Ao todo, eles reivindicam R$ 336.418,90 do Corinthians, que ainda não foi notificado por nenhum oficial de Justiça.

Recentemente, o Timão ganhou imbróglios judiciais por dívidas referentes às negociações por Vilson, Kazim, Marlone, Vinícius Del’Amore, entre outros.

Veja mais em: Diretoria do Corinthians, Roberto de Andrade, Base do Corinthians e Carlinhos.

Veja Mais:

  • Pablo não deve enfrentar o Atlético Mineiro no domingo

    [Marco Bello] Pablo não deve enfrentar o Atlético Mineiro no domingo

    ver detalhes
  • Corinthians anuncia uniforme especial para partida contra Atlético-MG

    Corinthians anuncia uniforme especial para partida contra Atlético-MG

    ver detalhes
  • Ralf ergueu troféu do hexa do Brasileirão antes de deixar Corinthians

    Ralf diz que não jogaria em rival do Corinthians, explica saída e opina sobre Gabriel

    ver detalhes
  • Pré-temporada de 2018 teve início nesta semana para jogadores do Timão

    Corinthians se antecipa, e jogadores realizam exames cardiológicos para 2018

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes