Cássio pode ter mais títulos do que temporadas no Corinthians: 'Nem nos melhores sonhos'

Cássio pode ter mais títulos do que temporadas no Corinthians: 'Nem nos melhores sonhos'

Por Meu Timão

35 mil visualizações 51 comentários Comunicar erro

Cássio em entrevista nesta sexta-feira no CT

Cássio em entrevista nesta sexta-feira no CT

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Seis títulos - com o sétimo encaminhado -, em apenas seis temporadas. Essa é a trajetória de Cássio com a camisa do Corinthians. Na manhã desta sexta-feira, o goleiro falou sobre a possibilidade de levantar mais um troféu no Parque São Jorge. O camisa 12 confessou que jamais imaginou viver uma sequência tão vitoriosa no clube.

"Não (imaginava). Primeiro que não ganhamos nada ainda (do Brasileirão de 2017), temos de continuar trabalhando. Se falar da minha história, nem nos meus melhores sonhos eu sonharia em chegar onde estou. Uma coisa confesso: trabalhei e me dediquei muito para chegar aos meus objetivos. Só as pessoas que veem o meu dia a dia sabem o quanto me dediquei para estar onde estou hoje, há tanto tempo num clube como o Corinthians. Vou continuar me dedicando para continuar fazendo minha história no clube", afirmou o goleiro.

Leia também:
Trio trabalha em campo, e Corinthians deve ter apenas um desfalque contra Bahia
Bancado por Carille, Jadson revela conversa franca com o treinador
Com 21 gols, Jô diz que desempenho na temporada é acima do esperado até por ele

Cássio chegou ao Corinthians em janeiro de 2012. Naquele ano, foi campeão da Libertadores e do Mundial de Clubes. Na temporada seguinte (2013), levantou os troféus do Paulista e da Recopa Sul-Americana. Dois anos depois (2015), o Brasileirão. Na atual temporada, novamente o Estadual e, com dez pontos de distância para o principal concorrente, perto de mais um título do Nacional.

"Meu sexto ano no Corinthians. Graças a Deus, se pegar minha história, foram anos bem vitoriosos. Mas acontece na carreira, em todas, que às vezes não conseguimos desempenhar o trabalho. No ano passado tive um ano de altos e baixos, principalmente na segunda metade. Isso serviu de aprendizado. Tenho uma outra cabeça, mais experiente. Espero e tenho certeza que terminarei esse ao bom, regular, já entrando nas férias pensando em fazer um ano bom ano que vem", afirmou o camisa 12, lembrando os momentos ruins vivido no segundo semestre de 2016.

Liderança no elenco

Cássio se tornou um dos principais líderes do elenco de Fábio Carille. Ao contrário do que ocorreu em anos anteriores, quando havia diversos jogadores experientes, o goleiro ser tornou um dos poucos com larga trajetória. Sem falsa modéstia, o camisa 12 falou sobre a atual temporada, enaltecendo seu desempenho e dedicação no dia a dia.

"Se eu não fosse dedicado, não estava há seis anos no Corinthians. Sempre fui muito comprometido com meu trabalho. Quando fui para o banco ano passado mantive o mesmo respeito. De repente seis meses que não fui tão bem recebem mais importância do que os meus seis anos de clube. Este ano (2017) está sendo a mais, porque tomei algumas atitudes diferente na minha carreira", afirmou, lembrando que melhorou bastante seu comportamento extracampo, inclusive em termos de alimentação.

"O fato de ter saído muita gente... Eu estou dando sequência na linhagem na questão da liderança, tinha o Alessandro antigamente, muitos outros jogadores experientes. Agora sou um dos mais velhos aqui, tenho que ajudar os mais novos. Lógico que estou muito feliz e muito contente com o que está acontecendo e isso dá muita motivação para não cometer erros do passado e evoluir cada vez mais", completou o camisa 12.

Veja mais em: Cássio e História do Corinthians.

Veja Mais:

  • Jonathas está na mira do Corinthians, que já vê concorrente pelo centroavante brasileiro

    Corinthians vê clube turco demonstrar interesse por Jonathas

    ver detalhes
  • Fagner faz parte da delegação canarinha que busca o hexa na Rússia

    Até rivais se rendem, e Fagner é elogiado após estreia em Copas do Mundo; veja repercussão

    ver detalhes
  • Fagner e Tite trabalharam juntos no Corinthians em 2015 e 2016

    Fagner ou Danilo? Corinthiano leva vantagem nas estatísticas defensivas e ofensivas na Copa

    ver detalhes
  • Os maiores perrengues no Jornalismo feat André Ranieri | #61

    VÍDEO: Os maiores perrengues no Jornalismo feat André Ranieri | #61

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes