De virada, Corinthians/Unip vence Sorocaba e sai na frente na final da Liga Paulista

De virada, Corinthians/Unip vence Sorocaba e sai na frente na final da Liga Paulista

Por Meu Timão

Em reedição da final de 2016, Corinthians e Sorocaba se enfrentam pelo título da LPF

Em reedição da final de 2016, Corinthians e Sorocaba se enfrentam pelo título da LPF

Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Na noite desta terça-feira, o Corinthians/Unip recebeu o Magnus Sorocaba no Ginásio Wlamir Marques, no Parque São Jorge, pelo jogo de ida da final da Liga Paulista de Futsal (LPF). Na reedição da decisão do título estadual de 2016 - quando o Timão levou a melhor e conquistou o bicampeonato - a partida terminou com uma vitória alvinegra por 3 a 2.

O confronto entre Corinthians e Sorocaba foi marcado pelo equilíbrio. Velhas conhecidas, as equipes souberam se fechar e evitar avanços adversários em primeiro instante - que não foram poucos. O Timão do técnico André Bié desperdiçou chances claras de gols e acabou vendo os sorocabanos abrirem o placar. Porém, o time da casa conquistou a virada - com direito a gol do goleiro Guitta - e manteve sua invencibilidade como mandante na LPF.

Com o resultado desta terça, o Corinthians/Unip pode selar o tricampeonato estadual apenas com um empate diante do Sorocaba no segundo e decisivo jogo da final. Em caso de derrota, a partida vai para prorrogação, na qual o time do interior paulista, que teve melhor campanha na competição estadual, tem a vantagem do empate.

O decisivo duelo de volta pela final da Liga Paulista, no qual será conhecido o campeão, acontece já neste domingo, dia 22 de outubro. A partida acontece às 13h (de Brasília), na Arena Sorocaba, no interior paulista. O jogo terá transmissão ao vivo pelo canal pago SporTV.

Leia também:
Timão conhece adversário e datas de jogos pelas quartas de final do Paulista Sub-17
Datas, novidade na lista de inscritos e premiação: saiba tudo sobre o Paulistão 2018

O jogo

O confronto de ida pelo título estadual teve um primeiro tempo equilibrado. As jogadas iniciais foram marcadas por pouco avanço de ambas as equipes, no que se tornou um duelo pegado momentos depois. Dono da casa, o Corinthians viu o Sorocaba ensaiar um ataque com Rodrigo, que chutou à direita do gol de Guitta. A equipe alvinegra tentou responder, mas a marcação adversária foi forte e conseguiu evitar a ofensividade do Timão.

Já na metade da primeira etapa, o time do Parque São Jorge conseguiu seu primeiro lance a gol com Leandro Caires, que foi parado pelo goleiro Thiago. Vander Carioca pegou o rebote, mas a bola foi defendida mais uma vez. A partir daí, a posse de bola passou a ser corinthiana em maior parte.

O Timão conseguiu outra chance com Genaro, que ganhou uma disputa sobre a defesa adversária. Porém, a bola parou em cima do arqueiro do Sorocaba. Wilsinho apareceu na sobra e chutou para fora. Após as oportunidades desperdiçadas pelo Corinthians, o rival do interior paulista abriu o placar com Bruno, que balançou a rede com um toque de cavadinha – após a assistência de Neto.

Na segunda etapa, o Timão pareceu mais incisivo. A equipe teve uma chance com Vander Carioca já nos primeiros lances, chutando por cima do gol. Os donos da casa mantiveram a bola nos pés, mas o Sorocaba seguiu dificultando a chegada com uma forte marcação. Com este cenário, o adversário passou a jogar em contra-ataque e com maior pegada, tendo uma sequência de faltas marcadas para os corinthianos.

Vander Carioca passou a ser protagonista mais uma vez, com um belo toque para Leandro Caires de frente para o goleiro Thiago. Contudo, o chute foi por cima do gol. O jogo seguiu acirrado. O Sorocaba conseguiu uma falta próxima a área, após uma disputa de bola entre Alex e Lé - que acabou deixando a partida com uma fratura no nariz. Porém, a chance não foi convertida.

O empate veio com Genaro, em uma retomada na área ofensiva, que chutou sem chances para o arqueiro adversário. Com o placar igualado, o Sorocaba passou a avançar mais e Rodrigo mandou uma bola na trave, em um vacilo da defesa corinthiana. Mesmo com a chegada do rival, o Timão não se fechou.

Em uma jogada bem trabalhada, com direito a drible de Nenê, Alex bateu forte e colocou o Timão na frente do resultado. A vitória foi selada com um gol de Guitta, que viu espaço na área sorocabana e balançou as redes. O Sorocaba chegou a diminuir com um gol de Leandro Lino, mas o Corinthians ficou com o triunfo no jogo de ida da decisão.

Escalação do Corinthians/Unip

Guitta (capitão), Nenê, Leandro Caires, Alex e Vander Carioca

Suplentes: Careca, Matheus, Douglas, Douglas Nunes, Guarrincha, Johnny, Índio, Genaro, Edson e Wilsinho

Veja mais em: Futsal do Corinthians.

Veja Mais:

  • Zé Rafael, de 24 anos, tem contrato com o Bahia até 2020

    Corinthians reforça interesse em Zé Rafael, mas tem de esperar até 9 de dezembro; entenda

    ver detalhes
  • Romero não jogará contra o Atlético-MG, mas estará na Arena Corinthians

    Mesmo suspenso, Romero tem duas metas para jogo da festa contra o Atlético-MG no domingo

    ver detalhes
  • Carille quer contar com seu reserva imediato em 2018

    Permanência de Walter é desejo de Carille, mas técnico já tem plano B em caso de saída

    ver detalhes
  • Na Série B do Brasileirão pelo Internacional, Leandro Damião entrou na mira do Timão

    Corinthians inicia sondagem sobre centroavante do Internacional

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes