Emocionados, torcedores aproveitam gratuidade do jogo Sub-17 para conhecer a Arena Corinthians

13 mil visualizações 52 comentários Comunicar erro

Fábio Luis é decorador de gesso. Ele e a esposa moram no José Bonifácio, conjunto habitacional localizado próximo à estação Corinthians-Itaquera, que fica a cerca de 600 metros da Arena Corinthians. Apesar da proximidade, conhecer o novo estádio do seu time de coração sempre foi distante para sua atual condição financeira. Um sonho que se tornou realidade na tarde desta quarta-feira.

Fábio Luis, esposa e amigos moram ao lado do estádio do Corinthians

Fábio Luis, esposa e amigos moram ao lado do estádio do Corinthians

Rodrigo Vessoni

Após ser avisado por um colega de que a entrada seria gratuita para a partida do Timão contra o Vitória, pela Copa do Brasil sub-17, Fábio Luis não pensou duas vezes: pegou sua esposa, chamou uns amigos e se dirigiu pela primeira vez ao luxuoso palco alvinegro.

"Nunca tinha vindo por falta da grana mesmo", explicou o torcedor, com uma emoção que era possível de ser notada em seu rosto.

Leia também:
Jogadores do Sub-20 vão à Arena Corinthians na torcida pelo Sub-17
Na Arena Corinthians, Sub-17 fica no empate e decide classificação à semi da Copa do Brasil na Bahia

O decorador de gesso foi apenas um dos quase 12 mil torcedores que acompanharam o empate sem gols entre Corinthians e Vitória, com direito a sofrimento para entrar no Setor Norte, consequência da falta de policiais para realizar a revista nas catracas. A reportagem do Meu Timão conversou com outros torcedores que viveram a experiência. Pessoas diferentes, mas com um sentimento parecido: a alegria de ir à Arena Corinthians pela primeira vez.

Torcedora com o filho de oito meses na Arena. Até com o carrinho...

Franciele com o filho de oito meses na Arena. Até com o carrinho...

Rodrigo Vessoni

Foi o caso da professora Franciele, de 31 anos, que levou o filho Murilo, de apenas oito meses. A torcedora não se importou nem mesmo com a complicada logística de levar um bebê ao estádio de futebol. Ao contrário. Trouxe consigo o carrinho para ajudar na locomoção e... tudo resolvido. Setor Norte do estádio e um sentimento difícil de explicar.

"Emocionante, né? Difícil de falar. É grande e bonito, tudo novo. Queria muito ter vindo aqui antes", lembrou a professora.

Torcedor já tinha ido, mas levou os filhos e amigos pela primeira vez

Torcedor já tinha ido, mas levou os filhos e amigos pela primeira vez

Rodrigo Vessoni

Anderson resolveu fazer o mesmo para seus filhos. Apesar de já ter ido na Arena, o desejo sempre foi o de levar consigo seus filhos. Um sonho que se tornou realidade nesta quarta. Sub-17? Sem problema nenhum. O importante era ter a chance de dividir esse momento com seus familiares.

"Eles nunca tinham vindo, não. Ainda bem que tive essa oportunidade nesse jogo", lembrou.

Torcedor passou na creche, pegou o filho e foi à Arena Corinthians

Torcedor passou na creche, pegou o filho e foi à Arena Corinthians

Rodrigo Vessoni

Outro que viveu a experiência de dividir a emoção de estar no estádio por alguns minutos com seu filho foi Ueverton, de 25 anos. O torcedor passou na creche, pegou Rafael, de três anos, e foi sentir a emoção de vivenciar a arquibancada da Arena pela primeira vez.

"Sensação incrível", resumiu.

Torcedora e a filho chegaram para ver apenas os minutos finais do jogo

Torcedora e a filho chegaram para ver apenas os minutos finais do jogo

Rodrigo Vessoni

Egle e sua filha Nataly foram além. As torcedoras viram apenas parte do segundo tempo. Devido à consulta médica que estava marcada há semanas, a possibilidade de chegar à Arena Corinthians antes de a bola rolar não existiu. Nada que a desanimasse diante da possibilidade de, enfim, conhecer o estádio do time de coração, que foi inaugurado em maio de 2014.

"Ela (filha) já tinha ido em outros estádios, mas aqui não. Eu estou cansada de tanto que corri para chegar aqui, mas deu certo", comemorou Egle, que estava suada e ofegante devido ao trajeto da estação Corinthians-Itaquera até a Arena.

A equipe Sub-17 do Corinthians não ganhou. Sequer fez gol. Para todas essas pessoas que estiveram no estádio pela primeira vez, que de acordo com a PM seria em torno de 70% dos 12 mil, o resultado é o que menos importa. Aqueles minutos dentro da Arena, para eles, valeram muito mais.

Veja mais em: Arena Corinthians e Torcida do Corinthians.

Veja Mais:

  • Cássio, Manoel e Gil não ficam à disposição de Fábio Carille contra o Cruzeiro

    Com três desfalques, Corinthians divulga relacionados para duelo com Cruzeiro; veja provável time

    ver detalhes
  • Fábio Carille reclamou de dores no joelho esquerdo recentemente

    Carille vai passar por procedimento no joelho e vira 'desfalque' para o Corinthians

    ver detalhes
  • Escudo revelado nesta sexta-feira apareceu em livro de 2011 (canto inferior esquerdo)

    Escudo do Corinthians 'descoberto' nesta sexta-feira apareceu em livro de 2011; entenda

    ver detalhes
  • Urso apareceu em campo pela primeira vez desde que lesionou a coxa direita

    Júnior Urso volta a treinar em campo e se aproxima de retorno ao Corinthians

    ver detalhes
  • Fagner pode ganhar até quatro companheiros de posição no Corinthians em 2020

    Corinthians pode ter até cinco opções para lateral direita em 2020

    ver detalhes
  • Atacante agradou e fica para a Copinha

    Corinthians prorroga empréstimo de atacante paraguaio do time Sub-20

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: