Derrotado na Arena Corinthians, Betão faz depoimento fantástico: 'Hoje fiquei arrepiado'

270 mil visualizações 170 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Betão não poupou declarações ao Corinthians após jogo deste sábado

Betão não poupou declarações ao Corinthians após jogo deste sábado

Larissa Lima / Meu Timão

Um dos jogadores mais marcantes do Corinthians ao longo do século 21, Betão viveu um dia diferente neste sábado, na derrota de sua equipe, o Avaí, por 1 a 0, na Arena, em Itaquera, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. Cria da base alvinegra e rebaixado pelo Timão em 2007, ele se emocionou ao falar sobre a equipe de coração.

Leia também:
Carille admite título próximo do Corinthians, mas não vê Brasileirão definido
Corinthians abre vantagem recorde na liderança; veja classificação do Brasileirão
Torcida do Corinthians não se segura e solta o grito: 'O hepta vem aí!'

"Olha, talvez muita gente não vá entender da maneira que bem entender... Uma felicidade muito grande. Vivi 14 anos, vivi esse sonho do clube ter um estádio, era diferente nos anos 2000, a gente treinava em Itaquera, subi andando, tinha só um buraco aqui, a gente era moleque, todo mundo falava que ia ter um estádio e a gente não acreditava", contou.

"Hoje fiquei arrepiado. Treinava aqui em 2000 e falavam que seria um estádio. É fantástico", completou, na saída do gramado.

Aniversariante do dia, Betão pouco se importou com a derrota do Avaí para o Corinthians. No discurso, ao menos, o zagueiro fez questão de deixar claro o quão pasmo estava diante da torcida alvinegra nas arquibancadas da moderna arena em Itaquera.

"É o atual campeão já, né? (...) Fico sem palavras. Fiquei bem arrepiado, tem muita gente no estádio que não sabe o que era isso. E eu sei o que era isso, em 2000 mais ou menos era um buraco. Não dá nem para dimensionar. Falavam que seria um estádio do Corinthians. Chegar hoje aqui, no dia do meu aniversário, ver toda essa estrutura, como cresceu, é fantástico. Fico muito feliz pelo crescimento do clube", declarou.

"Coisa que já deveria ter sido desde o primórdio, né? O clube precisava disso, de uma gestão séria. Esses 11 títulos, esse crescimento se deve a isso", completou.

Hoje com 34 anos, Betão sabe que dificilmente vestirá a camisa do Corinthians novamente como jogador profissional. Isso não impede o zagueiro, contudo, de sonhar com um diferente retorno ao Timão...

"Futebol é muito dinâmico. Como jogador é muito difícil. Mas tenho estudado bastante, gestão, quem sabe um dia não trabalho no Corinthians", declarou.

Veja mais em: Arena Corinthians e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Janderson e Gustavo marcaram para o Timão

    Corinthians toma a virada, mas marca de pênalti no fim e empata com o Goiás

    ver detalhes
  • Méndez foi um dos jovens que agradou a Fiel no Serra Dourada

    Opiniões divididas sobre Carille e elogios para jovens titulares: Fiel repercute empate do Timão

    ver detalhes
  • Corinthians teve novidades e mostrou coisas boas no Serra Dourada

    Análise: Corinthians 'perde' melhor defesa, mas mostra que sabe jogar sem medo

    ver detalhes
  • Janderson fez o primeiro gol do Corinthians no Serra Dourada

    Janderson faz o seu primeiro gol pelo time profissional do Corinthians

    ver detalhes
  • Timão bateu o Botafogo em casa por 3 a 0

    Corinthians vence o Botafogo e terá Majestoso pela frente no Brasileiro Sub-20

    ver detalhes
  • Araos está emprestado à Ponte Preta até o fim da temporada

    Araos quase faz golaço em estreia na Ponte Preta e ganha atenção na imprensa chilena

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: