Corinthians veta sócios reativados com desconto para eleição presidencial

4.5 mil visualizações 61 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Polêmica em torno de compra de votos efervesce Parque São Jorge desde o fim de semana

Polêmica em torno de compra de votos efervesce Parque São Jorge desde o fim de semana

Divulgação

Sócios do Corinthians que reativaram seu título por meio da promoção promovida pelo clube desde a última sexta-feira não poderão votar na eleição presidencial, marcada para 3 de fevereiro. A decisão foi tomada pela Comissão Eleitoral do Corinthians, que votou a pauta no fim da tarde desta quinta-feira.

Como o Meu Timão havia informado, cerca de 850 associados em situação de inadimplência utilizaram o desconto de 50% dado pelo clube para quitar suas dívidas e, consequentemente, ganharem poder de voto no próximo pleito, que elegerá o sucessor de Roberto de Andrade.

O problema não está na promoção em si, mas na atitude tomada por pessoas influentes dentro do Parque São Jorge nos últimos dias por causa dela. Em áudio obtido pela reportagem do Meu Timão no domingo, o secretário geral do Timão, Antônio Jorge Rachid Júnior, garante ser possível regularizar sócios em troca de votos dos mesmos para o conselheiro Paulo Garcia, pré-candidato.

Leia também:
Ao Meu Timão, Andrés Sanchez detalha tentativa de vencer a quinta eleição seguida no Corinthians
Terceira via na eleição do Corinthians, Felipe Ezabella fala ao Meu Timão dos planos e objetivos

Ainda segundo o portal Uol, a Comissão Eleitoral determinou a investigação das atuações das seguintes pessoas:

  • Presidente Roberto de Andrade
  • Secretário geral Antônio Rachid
  • Ex-presidente e candidato Andrés Sanchez
  • Vice-presidente André Luis Oliveira
  • Conselheiro e pré-candidato Paulo Garcia
  • Conselheiro e candidato Antonio Roque Citadini
  • Diretor administrativo Eduardo Cagiano
  • Funcionária Nanci Lopes Lázaro

O artigo 44 do estatuto do Corinthians proíbe “qualquer anistia financeira para associados a partir de 12 meses antes da eleição”. Tal regimento baseou a discussão dos membros do Conselho Eleitoral.

Leia também:
Protagonismo no Brasil, base 100% do clube, Arena Corinthians... Citadini fala ao Meu Timão
Oposição desde sempre, Romeu Tuma Jr. fala ao Meu Timão: 'Não faço promessas, assumo compromissos'

Um dos quatro candidatos à presidência do Corinthians, Felipe Ezabella celebrou a decisão.

“Ficamos extremamente satisfeitos com o resultado. A Comissão Eleitoral foi rápida e precisa. Não só pelo deferimento do nosso pedido de impugnação, mas também pelo reconhecimento da ilegalidade da manobra de anistia. Agora esperamos a apuração dos fatos e eventual punição dos envolvidos nessa vergonha.”

Outro candidato que comemorou a decisão foi Romeu Tuma Jr.

"Vejo esta importante decisão com muita esperança de passarmos o Corinthians a limpo. Precisamos agora que essa apuração seja célere, ampla e que represente uma assepsia nesses métodos e tipos de candidatos que tratam o clube e os associados como fraldas descartáveis", comentou o candidato, em entrevista ao UOL Esportes.

Veja mais em: Eleições no Corinthians, Roberto de Andrade, Andrés Sanchez e Presidentes.

Veja Mais:

  • Corinthians enfrenta o Goiás na noite desta quarta-feira

    Corinthians visita o Goiás para voltar a vencer e se manter no G4 do Brasileiro

    ver detalhes
  • Ralf volta ao plantel do Timão para o jogo desta quarta-feira

    Com três retornos, Corinthians confirma lista de relacionados contra o Goiás; veja provável time

    ver detalhes
  • Corinthians não tomou conhecimento do adversário e garantiu mais um título estadual

    Corinthians goleia Magnus fora de casa e garante título do Campeonato Paulista de Futsal

    ver detalhes
  • Treinador português corre risco de demissão no Monaco

    Possível interesse do Corinthians em técnico do Monaco repercute na Europa

    ver detalhes
  • Arena compete com outros sete estádios pela honraria de sediar a final continental

    Conmebol confirma Arena Corinthians como candidata para sediar final da Libertadores de 2020

    ver detalhes
  • Timão perdeu a primeira pelo NBB

    Corinthians perde para São Paulo em noite de atuação apática na estreia do NBB

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: