Com veto a rival, Romarinho admite saudade do Brasil e fala em retorno 'em dois anos' ao Corinthians

Com veto a rival, Romarinho admite saudade do Brasil e fala em retorno 'em dois anos' ao Corinthians

Por Meu Timão

63 mil visualizações 164 comentários Comunicar erro

Romarinho não esconde a relação de carinho que ainda mantém com o Corinthians

Romarinho não esconde a relação de carinho que ainda mantém com o Corinthians

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Um dos destaques da atual edição do Mundial de Clubes, o atacante Romarinho não esconde o carinho que ainda nutre pelo Corinthians. Depois de levar o clube a um dos maiores jornais da Espanha, o atacante fez questão de deixar claro a sua vontade de retornar ao Timão em breve. Pensando em voltar para o Brasil, o ex-camisa 31 alvinegro já estipula uma data para voltar a sentir o gosto da pressão no seu país natal.

"Penso em voltar, até porque a liga daqui é bem diferente em relação ao Brasil. Não tem muita pressão. Apesar de o nível daqui ser um pouco melhor do que de onde eu estava antes (Catar), a saudade é grande de jogar clássico em estádio lotado, da pressão. Isso é o que faz mais falta", disse, em entrevista ao GloboEsporte.com.

"Tenho três anos de contrato, mas contrato não diz nada no futebol. Espero ficar mais uns dois anos aqui e poder voltar para o Brasil. Para o Brasil, não. Para o Corinthians. Tenho bastante saudade, principalmente da torcida, dos amigos que fiz lá também. Ali é minha casa. Espero um dia voltar", completou.

Leia também:
Para evitar problemas judiciais, Corinthians aceita pagar comissão a agentes de Júnior Dutra
Corinthians rejeita ceder três jogadores pedidos pelo Bahia em negociação por lateral
Luan volta a exaltar Romero e relaciona venda de Arana ao paraguaio: 'Pode colocar na conta dele'

Mais do que garantir que o retorno ao país será para vestir a camisa do Timão, Romarinho deixou claro que um clube brasileiro já está vetado como seu possível destino. O Palmeiras, um dos adversários preferidos do atacante, não é uma opção para sua carreira.

"Falo bastante com meu empresário, e ele me fala que as portas do Brasil estão abertas. Que hoje eu posso escolher o time onde eu quiser jogar, menos o Palmeiras. Mas é mais o Corinthians", afirmou.

O carinho que Romarinho sente pelo Corinthians parece ser recíproco por parte da torcida. Pronto para enfrentar o Real Madrid na semifinal do Mundial, nesta quarta-feira, às 15h, o jogador não esconde a felicidade pelo carinho que vem recebendo nas redes sociais. A Fiel realmente vestiu a camisa e tem torcida muito pelo Al Jazira, equipe do brasileiro.

"A felicidade é grande por estar recebendo esse carinho ainda, mesmo tendo saído há quatro anos. Eles ainda falam, me chamam no "direct" (mensagem privada no Instagram), dão apoio. Fico muito feliz com isso e espero esse apoio no jogo", concluiu.

Veja mais em: Ex-jogadores do Corinthians.

Veja Mais:

  • Jadson, aos 35 do segundo tempo, assegurou a vitória ao Timão

    Corinthians 'goleia' Independiente por 1 a 0 e assume liderança isolada de grupo da Libertadores

    ver detalhes
  • Balbuena garante que renovação foi há dez dias, mas assinatura ainda não aconteceu

    Balbuena reclama do Meu Timão e garante que acertou renovação há dez dias; assinatura segue sem data

    ver detalhes
  • Timão venceu e assegurou a liderança isolada do Grupo 7

    Cássio supera Jadson e é eleito craque do Corinthians em vitória na Argentina

    ver detalhes
  • Na mira do Flamengo? Rodriguinho garante não ter sido procurado por clube do Rio

    Corinthiano Rodriguinho se posiciona sobre suposta sondagem do Flamengo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes