'Neymar tem futuro?': Ronaldo fazia perguntas para distrair rivais do Corinthians, diz ex-santista

17 mil visualizações 72 comentários

Por Meu Timão

Ronaldo marcou dois gols naquela final contra o Santos

Ronaldo marcou dois gols naquela final contra o Santos

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Dois gols foram só parte do show de Ronaldo Fenômeno no jogo de ida da final do Campeonato Paulista de 2009, na Vila Belmiro, na vitória de 3 a 1 do Corinthians sobre o Santos. O jogo disputado há quase nove anos foi lembrado por Germano, ex-santista e hoje volante do Londrina, em entrevista ao site da ESPN Brasil.

Além de ir às redes adversárias duas vezes, Ronaldo também "aprontou" de outra forma naquela tarde de domingo. O Fenômeno puxou assunto com Germano na grande área, durante cobrança de escanteio favorável ao Timão. Não deu outra: o camisa 9 corinthiano distraiu o marcador e se aproveitou para tentar alcançar a bola.

"(...) Pouco antes da cobrança, ele virou para mim e perguntou: 'E aí, esse Neymar e esse Ganso têm futuro?'. Aí eu na ingenuidade comecei a responder: 'Rapaz, você precisa vê-los nos treinos e...', só que antes de eu terminar a frase olhei para o lado e o Ronaldo já estava uns sete metros longe de mim, totalmente desmarcado e esperando uma enfiada de bola (risos)", lembrou o hoje veterano de 36 anos de idade.

Germano hoje defende as cores do Londrina

Germano hoje defende as cores do Londrina

Divulgação

"Ele me chamou para fingir que queria falar de um assunto, mas o intuito dele era só me distrair e levar vantagem. No fundo, como grande jogador que sempre foi, era claro que ele sabia que Neymar e Ganso eram bons e tinham futuro. Só quis me enrolar mesmo (risos)". completou.

No fim das contas, Ronaldo, com ou sem malandragem, viria a ser decisivo naquela partida. Após o triunfo em plena Baixada Santista, coube ao Corinthians administrar um empate de 1 a 1 no Pacaembu, na semana seguinte, para conquistar o título do Paulistão de forma invicta. Para Germano? Além da medalha de prata, valeu a lição!

"Para a minha sorte ele não fez gol nesse lance, mas olha a malandragem do cara! Era pura estratégia. Quando fui ver o posicionamento dele, o 'Fenômeno' já tinha ido embora e estava pedindo a bola. Depois disso, eu redobrei a atenção para não vacilar mais", recordou.

"Infelizmente acabamos derrotados, e nessa partida ele desequilibrou, fez dois belos gols. Apesar dessa derrota, considero esse jogo como uma passagem bastante marcante para minha vida e carreira, aprendi bastante. Ainda troquei camisa com o Ronaldo no final e tenho ela guardada até hoje", finalizou.

Ronaldo, vale lembrar, chegou ao Corinthians no início de 2009 e ficou no clube alvinegro até fevereiro de 2011. Com a camisa alvinegra, o ídolo fenomenal disputou 69 jogos, fez 35 gols e conquistou os títulos do Paulistão e da Copa do Brasil de 2009.

Veja mais em: Ex-jogadores do Corinthians e Ídolos do Corinthians.

Veja Mais:

  • Méndez e Xavier podem ganhar chance nesta quinta-feira

    Corinthians encerra preparação para duelo contra o Sport com treino tático; veja possível time

    ver detalhes
  • Você percebeu ao vivo? O erro crucial do Corinthians e uma grande lição para 2021

    VÍDEO: Você percebeu ao vivo? O erro crucial do Corinthians e uma grande lição para 2021

    ver detalhes
  • Jemerson falou com a imprensa nesta quarta-feira

    Jemerson ressalta foco no Corinthians, mas admite futuro em aberto: 'Se não ficar, vida que segue'

    ver detalhes
  • Corinthians já conhece ordem dos compromissos no segundo turno do  NBB

    Corinthians conhece tabela de jogos do segundo turno do Novo Basquete Brasil; veja datas dos jogos

    ver detalhes
  • Contradições e coincidências da chegada de Cafu ao Corinthians: quem mentiu?

    [Andrew Sousa] Contradições e coincidências da chegada de Cafu ao Corinthians: quem mentiu?

    ver detalhes
  • Corinthians é o favorito em casas de apostas para o duelo desta quinta-feira

    [Publi] Em busca de recuperação, Corinthians enfrenta o Sport como favorito

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: