Gritos de guerra, fuga no banheiro e ajuda da PM: o início do mandato de Andrés no Corinthians

46 mil visualizações 161 comentários Comunicar erro

Por Lucas Faraldo e Rafaela de Oliveira

Polícia militar foi chamada para conter confusão na eleição do Corinthians

Polícia militar foi chamada para conter confusão na eleição do Corinthians

Danilo Augusto/Meu Timão

A eleição de Andrés Sanchez como novo presidente do Corinthians, no fim de tarde deste sábado, no Parque São Jorge, acabou em barraco. O deputado federal (PT-SP) foi hostilizado e sofreu tentativa de agressão instantes após o resultado do pleito ser anunciado no ginásio.

Logo que foi oficializado como novo presidente do Corinthians, Andrés Sanchez se dirigiu aos jornalistas presentes no Parque São Jorge para tentar conceder sua primeira entrevista. O cartola então passou a ser encurralado por sócios de oposição.

Os opositores, inconformados com o resultado da eleição, proferiram cânticos de guerra como 'Andrés, aqui não tem burguês' e 'Ladrão'. Enquanto Andrés tentava atender a imprensa, levou um banho de cerveja por meio de um copo arremessado pelos sócios.

Poucos minutos após encerrar a curta entrevista, Andrés fugiu protegido por seguranças e se escondeu no banheiro feminino do ginásio onde acontecia a eleição. Após cerca de 20 minutos, a polícia militar chegou à entrada do Parque São Jorge com seis viaturas. Somente então o novo presidente do Corinthians deixou a sede social do clube, amparado pelas autoridades policiais e também por seus seguranças. Entretanto, sob xingamentos e mais ameaças dos opositores, recuou e voltou a se esconder - desta vez no estacionamento. Somente mais de uma hora depois, deixou o local escondido no banco de trás de um carro, deitado de barriga para cima e com um boné tapando o rosto.

Andrés se escondeu no estacionamento do PSJ sob proteção da PM

Andrés se escondeu no estacionamento do PSJ sob proteção da PM

Rafaela de Oliveira/Meu Timão

A eleição do novo presidente do Corinthians para o triênio de 2018/19/20 acabou em confusão na sede do Timão!

Resultado da eleição no Corinthians

Andrés Sanches - 1235 votos (33,9%)
Paulo Garcia - 834 votos (22,9%)
Antônio Roque Citadini - 803 votos (22%)
Felipe Ezabella - 461 votos (12,6%)
Romeu Tuma Júnior - 278 votos (7,6%)
Brancos e nulos - 31 votos (0,8%)
Total - 3642

Veja mais em: Andrés Sanchez, Parque São Jorge e Eleições no Corinthians.

Veja Mais:

  • Ralf volta ao plantel do Timão para o jogo desta quarta-feira

    Com três retornos, Corinthians confirma lista de relacionados contra o Goiás; veja provável time

    ver detalhes
  • Corinthians não tomou conhecimento do adversário e garantiu mais um título estadual

    Corinthians goleia Magnus fora de casa e garante título do Campeonato Paulista de Futsal

    ver detalhes
  • Treinador português corre risco de demissão no Monaco

    Possível interesse do Corinthians em técnico do Monaco repercute na Europa

    ver detalhes
  • Arena compete com outros sete estádios pela honraria de sediar a final continental

    Conmebol confirma Arena Corinthians como candidata para sediar final da Libertadores de 2020

    ver detalhes
  • Timão perdeu a primeira pelo NBB

    Corinthians perde para São Paulo em noite de atuação apática na estreia do NBB

    ver detalhes
  • Casagrande rebateu as entrevistas concedidas pelo treinador

    Casagrande culpa Carille por deficiências do elenco citadas pelo técnico: 'Má escolha dele'

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: