Carille faz elogios a Vital e destaca importância de Sheik em estreia na Libertadores

Carille faz elogios a Vital e destaca importância de Sheik em estreia na Libertadores

Por Meu Timão

4.4 mil visualizações 41 comentários Comunicar erro

'Cascudo', Sheik atuou em parte do segundo tempo de empate do Timão na Colômbia

'Cascudo', Sheik atuou em parte do segundo tempo de empate do Timão na Colômbia

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Mateus Vital e Emerson Sheik. Um tem 20 anos e está apenas no início de sua carreira. O outro, ídolo do Corinthians, beira os 40 (completará em setembro). Apesar da diferença entre idades, ambos se destacaram no empate sem gols do Timão com o Millonarios, da Colômbia, na noite desta quarta-feira, em Bogotá, pela primeira rodada da fase de grupos da Copa Libertadores.

Em entrevista coletiva após o duelo no El Campín, o técnico Fábio Carille rendeu elogios a Vital, escalado como titular no lugar do suspenso Rodriguinho. Recém-contratado do Vasco da Gama, o jovem meio-campista fez apenas o terceiro jogo pela equipe paulista, mas suportou a pressão em torno de uma estreia em Libertadores.

“Sim, Mateus foi muito bem dentro do que a gente esperava, controlando a bola, segurando, sustentando. Libertadores a gente sabe que o atleta tem de sustentar a bola, aguentar trombada... Fez muito bem”, enalteceu Carille.

Já sobre Sheik, o treinador alvinegro deu a entender que não se surpreendeu com o desempenho do atacante na altitude de Bogotá. O camisa 7 deixou o banco de reservas durante o segundo tempo e soube segurar a bola quando necessário e impor velocidade pelo lado direito do ataque.

“O Sheik, nós sabemos o que pode dar, ficou um tempo parado, por isso os jogos-treino que fizemos foram bons para ele. Hoje entrou muito bem e nos ajudou a conquistar esse ponto”, valorizou o treinador.

Leia também:
Defesa se destaca e dupla ofensiva destoa: Fiel aprova estreia do Corinthians na Libertadores
Bom segundo tempo, segurança defensiva, 'gostinho de quero mais': Fiel repercute empate na Colômbia

Apesar de um primeiro tempo abaixo do esperado e do empate sem gols, Carille valorizou o ponto conquistado pelo Corinthians no El Campín. De acordo com ele, a atuação do Timão na segunda etapa foi “brilhante”, e a vitória poderia ter vindo porque sua equipe criou chances para tal – o zagueiro Henrique, por exemplo, chegou a acertar o travessão.

O Corinthians volta a campo já no domingo, contra o rival Santos. O clássico será disputado no estádio do Pacaembu, às 17h, com mando do time da Baixada. Já o próximo compromisso do Timão pela Libertadores é só em 14 de março, diante do Deportivo Lara, da Venezuela, na Arena Corinthians.

Confira os próximos jogos do Corinthians

04 Mar, Dom, 17h00 - Santos x Corinthians
07 Mar, Qua, 21h45 - Corinthians x Mirassol
11 Mar, Dom, 17h00 - Botafogo-SP x Corinthians
14 Mar, Qua, 21h45 - Corinthians x Deportivo Lara
18 Abr, Qua, 21h45 - Independiente x Corinthians
02 Mai, Qua, 21h45 - Corinthians x Independiente
17 Mai, Qui, 21h30 - Deportivo Lara x Corinthians
24 Mai, Qui, 21h30 - Corinthians x Millonarios

Veja mais em: Fábio Carille, Emerson Sheik, Mateus Vital e Libertadores da América.

Veja Mais:

  • Corinthians e Grêmio se enfrentam neste sábado, na Arena em Itaquera

    Saiba aonde assistir ao jogo entre Corinthians e Grêmio pela televisão

    ver detalhes
  • Corinthians encara Grêmio neste sábado

    'Entre céu e inferno', Corinthians recebe Grêmio na despedida do primeiro turno do Brasileirão

    ver detalhes
  • Badauí, do CPM22: 'Sou obrigado a ouvir que sou torcedor de Arena' | #76

    VÍDEO: Badauí, do CPM22: 'Sou obrigado a ouvir que sou torcedor de Arena' | #76

    ver detalhes
  • Marquinhos Gabriel deixa Corinthians pouco mais de dois anos após ser contratado

    Marquinhos Gabriel deixa Corinthians como terceiro pior jogador do elenco em 2018; veja ranking

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes