Ronaldo Fenômeno refuta sondagem a Balotelli, mas 'pede' contratações de peso ao Corinthians

Ronaldo Fenômeno refuta sondagem a Balotelli, mas 'pede' contratações de peso ao Corinthians

Por Meu Timão

74 mil visualizações 278 comentários Comunicar erro

Andrés Sanchez era presidente do Corinthians na ocasião da contratação de Ronaldo

Andrés Sanchez era presidente do Corinthians na ocasião da contratação de Ronaldo

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Entrou em evidência no noticiário do Corinthians desde essa quinta-feira a possibilidade de uma nova contratação de peso agarrada ao marketing do clube nos moldes do que aconteceu há quase dez anos com Ronaldo Fenômeno. E em entrevista concedida ao portal Globoesporte.com e publicada nesta sexta, o próprio ex-camisa 9 falou sobre o assunto.

Ronaldo foi questionado mais precisamente sobre Mario Balotelli, que teve o nome citado pelo diretor de marketing e comunicação do clube, Luis Paulo Rosenberg, como exemplo de "perfil ideal" para o Corinthians - apesar de "inacessível". O Fenômeno negou qualquer sondagem ao atacante italiano que hoje defende as cores do Nice, da França.

"Rosenberg não me pediu (para sondar Balotelli sobre a possibilidade de jogar no Brasil) nem vai me pedir. E se me pedir, não sou empresário", alertou o ídolo da Fiel.

Leia também: Mesmo ponderada, declaração de Rosenberg gera 'invasão' corinthiana nas redes sociais de Balotelli

Apesar de refutar sondagem a Balotelli, Ronaldo sugeriu, numa espécie de pedido à diretoria de Andrés Sanchez, que o Corinthians está fadado a repetir alianças similares à bem sucedida passagem do próprio Fenômeno pelo clube entre o fim de 2008 e o início de 2011. O ex-camisa 9, vale ressaltar, não tem ligação oficial com o Timão atualmente, apesar das promessas de campanha do atual presidente alvinegro.

"Acho que grandes jogadores têm sempre de ser a prioridade do Corinthians, logo, se esse jogador é capaz de gerar receita através do marketing, isso é melhor ainda. Mas a parte técnica tem que ser sempre a responsável pelas contratações. E contar com a sorte que esse grande jogador possa atrair também o marketing, porque a gente mostrou no passado que essa aliança faz muito bem e gera muito mais receitas para o clube", comentou.

Em tempo: após fracassar em tratativas com Henrique Dourado, Gilberto e Alex Teixeira como possíveis substitutos de Jô, vendido em dezembro ao Nagoya Grampus, do Japão, o Corinthians segue no mercado em busca de um centroavante. A possibilidade de contratar um jogador de renome junto ao departamento de marketing não está descartada.

Veja mais em: Andrés Sanchez, Mercado da bola e Contratações do Corinthians.

Veja Mais:

  • Renan Areias (no centro) está no Corinthians desde os seis anos de idade

    Corinthians empresta capitão do Sub-20 para o Red Bull Brasil

    ver detalhes
  • Fessin já marcou três gols pelo Corinthians no Paulista Sub-20

    Fessin marca, Corinthians vence no Paulista Sub-20 e diminui distância para rival

    ver detalhes
  • Corinthians fechou a primeira fase na liderança e invicto no Paulista Feminino

    Corinthians vence Portuguesa e fecha primeira fase do Paulista Feminino líder invicto

    ver detalhes
  • Corinthians de Ronaldo foi eliminado pelo Tolima em 2011 e mesmo assim Tite seguiu como técnico

    Tite/11 x Loss/18: diferenças e semelhanças entre as crises corinthianas comparadas por Andrés

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes