Sem Ronaldo, Corinthians distribui gols e vira referência ofensiva

Ronaldo se afastou logo na primeira rodada, quando marcou um dos gols no êxito sobre o Atlético-PR, 2 a 1. Mano chegou a buscar outro autêntico camisa 9. Souza até correspondeu quando acionado. Em...
Corinthians tem o ataque mais positivo do Brasileiro

Corinthians tem o ataque mais positivo do Brasileiro

Ronaldo se afastou logo na primeira rodada, quando marcou um dos gols no êxito sobre o Atlético-PR, 2 a 1. Mano chegou a buscar outro autêntico camisa 9. Souza até correspondeu quando acionado. Em vez de um novo homem-gol, o Corinthians decidiu suprir a ausência do Fenômeno repartindo a responsabilidade no ataque para cada atleta do elenco.

A tarefa de “substituir” Ronaldo inclui também volantes, laterais e zagueiros. Resultado: líder isolado do Brasileiro, o Corinthians, possui o ataque mais positivo, 13 gols, e é quem mais pulveriza seus gols no torneio.

Em seis rodadas, 10 atletas já marcaram pelo menos um gol. A lista de “goleadores” é extensa: Souza, Bruno César e Ralf (com dois gols cada). Ronaldo, Jorge Henrique, Chicão, Paulinho, Roberto Carlos, Iarley e William.

O Corinthians não economiza esforços aos goleiros adversários. O time paulista é quem mais finaliza, em média, por partida. São 15,7 chutes, em média, nos 90 min, segundo o Datafolha. O Vitória é a equipe que menos arrisca finalizações, com apenas 9,2 chutes, em média, por jogo.

A distribuição dos gols, na avaliação de Roberto Carlos, evidencia a característica “operária” do elenco, onde todos têm praticamente os mesmos deveres.

“É difícil num Brasileiro se manter tanto tempo na frente. Se está aí em primeiro é porque tem mérito. Nosso time pode não ser tão brilhante como o Santos, mas é mais brigador, mais profissional”, comparou Roberto Carlos.

Para a partida contra o Botafogo, domingo, às 16 horas, no Engenhão, o Corinthians repetirá a dupla Dentinho e Iarley no ataque. Ronaldo e Jorge Henrique, lesionados, seguem afastados.

Fonte: UOL

Sem Ronaldo, Corinthians distribui gols e vira referência ofensiva Sem Ronaldo, Corinthians distribui gols e vira referência ofensiva 0

Veja Mais:

  • Jadson pode ser o primeiro grande reforço do Timão em 2017

    [Marco Bello] Jadson pode ser o primeiro grande reforço do Timão em 2017

    ver detalhes
  • Roberto de Andrade tem buscado diminuir dívidas do Corinthians a longo prazo

    Corinthians abre números, mostra dívidas diminuírem e tem lucro parcial em 2016

    ver detalhes
  • De volta ao Timão, Marciel deve enfrentar Botafogo neste sábado

    Sem Cássio, Carille surpreende e promove duas mudanças no time para pegar Botafogo

    ver detalhes
  • Carille terá 22 jogadores à disposição neste sábado contra o Botafogo

    Com só dois meias, Carille relaciona 22 jogadores contra o Botafogo

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes