Sanchez diz que Corinthians será 'a maior potência do futebol mundial' em até 4 anos

Sanchez diz que Corinthians será 'a maior potência do futebol mundial' em até 4 anos

Por Meu Timão

Sanchez diz que Corinthians será 'a maior potência do futebol mundial' em até 4 anos

Sanchez diz que Corinthians será 'a maior potência do futebol mundial' em até 4 anos

Foto: Sérgio Neves/A

No embalo da festa em comemoração ao centenário do Corinthians, o presidente do clube paulista, Andrés Sanchez, fez uma “previsão” ousada em entrevista publicada na edição desta quarta-feira do diário

Para o cartola, o clube do Parque São Jorge tem tudo para se tornar a grande potência do futebol mundial em um período de até quatro anos.

“Se tiver um pouco de dignidade e respeito ao torcedor, você transforma o clube rapidamente. E digo mais: ainda está no começo. Daqui a três ou quatro anos, o Corinthians vai se tornar a maior potência do futebol mundial”,disparou o cartola na entrevista ao jornal.

Sanchez aproveitou para destacar o crescimento da marca Corinthians nos últimos anos e chegou a dizer que “ninguém pode ser maior” que o clube “no mundo”. “Pelo torcedor e pelo time que temos, pela fidelidade da torcida, não tem clube no mundo que possa ser maior que o Corinthians”, diz. “Se vai ganhar campeonato ou não, isso é outro problema. Mas de estrutura, de visibilidade, ninguém pode ser maior que o Corinthians.”

Em relação à construção da arena do clube, que deve ser o palco da cidade de São Paulo para a Copa do Mundo de 2014, Andrés Sanchez admitiu que antes era contrário à ideia de um novo estádio, mas foi convencido a mudar de posição. E elogiou muito o presidente Luiz Inácio Lula da Silva pelo apoio que deu à empreitada.

“Como todo mundo sabe, antigamente eu era contra estádio. Achava que não tinha como pagar pelos valores dos ingressos e pelo marketing, que era muito pouco explorado dentro do futebol brasileiro. Mas, depois que eu estive com o pessoal do Barcelona e o marketing do Corinthians foi trabalhando, fui vendo que com o estádio o Corinthians realmente fica com uma receita fora do normal e da realidade do futebol brasileiro. E o Corinthians vai se tornar um time de Europa e um dos maiores do mundo”, prometeu, antes de rasgar elogios a Lula. “Foi o maior presidente não só para o Corinthians, mas para os esportes. Foi um ‘parceiraço’. Não teremos outro assim.”

Fonte: ESPN

Veja Mais:

  • Corinthians volta a jogar nesta segunda pela Liga Nacional

    Corinthians encara 'reforçado' Sorocaba na primeira final da Liga Nacional

    ver detalhes
  • Pelada registrada no Amapá, onde Caio presenciou o tradicional 'futilama'

    Do Amapá à Antártida: torcedor do Corinthians, fotógrafo percorre o mundo em busca de peladas

    ver detalhes
  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes