Arbitragem, STJD e 'marmelada' preocupam corintianos no Brasileirão

Arbitragem, STJD e 'marmelada' preocupam corintianos no Brasileirão

Na reta final do Campeonato Brasileiro, o Corinthians tem mais coisas para se preocupar além dos quatro adversários que restam na competição. A arbitragem, os julgamentos do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e uma possível 'marmelada' dos arquirrivais têm tirado o sono de muitos corintianos.
O primeiro suposto obstáculo é o árbitro Sandro Meira Ricci, que apita a partida deste sábado (19h30) diante do Cruzeiro no Pacaembu, rival direto na disputa pelo título. O juiz é acusado pela diretoria de Atlético-MG de favorecer os cruzeirenses no mais recente clássico de Minas Gerais. Os atleticanos ficaram tão revoltados com a marcação de um pênalti que entraram com um protesto formal na CBF, mesmo com a vitória por 4 a 3.

"O pessoal fala muito de arbitragem, mas nós é que temos que ajudar o árbitro também durante o jogo, sem criar confusão", afirma o capitão corintiano William, que não acredita em favorecimento para alguma equipe no Brasileirão.

Mas o fato é que o clube alvinegro tem quatro titulares pendurados. Bruno César, Jucilei, Elias e Dentinho não pegam o Vitória em Salvador se receberam o cartão amarelo contra o Cruzeiro.

Já o STJD preocupou muito o Corinthians ao tomar uma decisão polêmica na última terça-feira. Devido a problemas ocorridos no clássico contra o Palmeiras, determinou a perda de um mando de campo por parte do time alvinegro. O clube já conseguiu um efeito suspensivo, e agora torce para que o Tribunal demore para marcar um novo julgamento. Dessa maneira, mesmo se a punição for mantida, só terá que cumprir em 2011.

"Atuar no Pacaembu é ótimo, a gente sabe os caminhos do campo", declara Ronaldo, que costuma se dar bem na 'casa' corintiana. Se mantiver o efeito suspensivo, além do Cruzeiro neste fim de semana, o Corinthians poderá pegar o Vasco no Pacaembu no dia 28.

Marmelada? Muitos torcedores de São Paulo e Palmeiras já fazem campanha para que as equipes facilitem a vida dos adversários diretos do Corinthians na luta pelo título. O time tricolor ainda encara o Fluminense, enquanto a equipe alviverde, além do Flu, pega o Cruzeiro.

Entre dirigentes, comissões técnicas e jogadores, ninguém admite uma possível 'marmelada'. "No profissionalismo isso não acontece, ninguém entra em campo tentando perder", diz Ronaldo. "Acredito na grandeza dessas pessoas e de seus clubes. Elas têm a responsabilidade por sua conduta. A gente sabe da história de todos esses profissionais", ressalta o técnico do Corinthians, Tite.

Atletas palmeirenses e são-paulinos já deram declarações dizendo que é impossível entregarem um jogo pensando em prejudicar o arquirrival. No entanto, é grande a possibilidade de não entrarem com força máxima diante de Fluminense e Cruzeiro, o que por si só já seria ruim para a pretensões alvinegras.

Fonte: Estadão

Enviado por: will2s

Veja Mais:

  • Centroavante Jô, 'Rei dos Clássicos', voltou a deixar o dele neste domingo

    Corinthians despacha São Paulo e vai à final do Paulistão contra Ponte Preta

    ver detalhes
  • Carille tem oito titulares pendurados para primeira final contra a Ponte

    Oito dos dez titulares de linha do Corinthians entram pendurados na decisão do Paulista

    ver detalhes
  • Rodriguinho completou 100 partidas pelo Corinthians diante do São Paulo

    Rodriguinho responde se Corinthians é favorito ao título diante da Ponte

    ver detalhes
  • Mosaico da torcida antes do Majestoso

    Imagem! Mosaico no setor Leste da Arena Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes