Título, reação ou suspense prolongado?

Título, reação ou suspense prolongado?

O torcedor apaixonado já marcou a data e o horário na agenda: domingo, 17h, tem rodada completa do Brasileirão. São dez jogos começando ao mesmo tempo, com a sensação de que novamente a briga pela liderança deve acontecer minuto a minuto, exatamente como no último domingo. Fluminense, Corinthians e Cruzeiro entram em campo com missões diferentes, um sonhando com a taça que não chega desde 1984, os outros com a possibilidade de nova reviravolta, para que o suspense se prolongue até o dia 5 de dezembro.

Com o equilíbrio que vem se arrastando por quase todo o campeonato e com a pequena vantagem sustentada pelo Flu, não é difícil imaginar que a previsão do próprio Muricy Ramalho de que a decisão só viria na última rodada possa mesmo se concretizar. De qualquer forma, o time carioca espera encerrar os altos e baixos que assombram os líderes para, enfim, voltar a ser campeão. Para isso, precisa superar o Palmeiras e torcer para que o Corinthians perca e o Cruzeiro não vença.

Para o time paulista, que chegou a prever uma disparada na ponta antes de sofrer o empate do Vitória na última rodada, a esperança é repetir o Flamengo de 2009. No ano passado, o Rubro-Negro alcançou a liderança exatamente na 37ª rodada aproveitando tropeço do então líder São Paulo. E se sagrou campeão no domingo seguinte. A missão da vez: vencer o Vasco sem a presença de Ronaldo, mas com as voltas de Dentinho e Bruno César apoiado por um Pacaembu lotado.

Situação mais complicada enfrenta o Cruzeiro. Dois pontos atrás do líder, a equipe mineira ainda acredita, mas tem o jogo mais duro entre os concorrentes, fora de casa e contra um Flamengo que luta para escapar de vez do perigo do rebaixamento. Para Cuca, a única opção é ir para o ataque, torcendo para que Montillo possa repetir o que fez nas quartas de final da Libertadores, quando liderou a Universidad de Chile no triunfo sobre os cariocas.

O jogo
Palmeiras x Fluminense, Arena Barueri (Barueri, SP), domingo, 17h

O astral do time carioca não poderia ser melhor nesta reta final. As boas notícias chegaram aos montes nos últimos dias, seja na forma de resultados e ascensão na tabela, seja pela recuperação de jogadores lesionados. Depois de Deco e Fred, que foram decisivos na goleada contra o São Paulo, quem volta ao ataque é Emerson, peça que faltava no quadrado ofensivo de Muricy Ramalho. Contando também com a inspiração de Conca e com os avanços de Mariano e Carlinhos, o time espera abafar o Palmeiras do início ao fim.

Os paulistas, por sua vez, não podem compartilhar o mesmo sentimento. Após a traumática eliminação na semifinal da Copa Sul-Americana contra o Goiás e já sem pretensões no campeonato, Luiz Felipe Scolari pode antecipar férias para alguns jogadores e seguir os testes para 2011 com outros que ainda não se firmaram. E tudo isso podendo ser o fiel da balança do título, com o rival Corinthians envolvido na briga. É certamente uma situação com a qual o experiente comandante não havia previsto.

E o que mais?
Enquanto no topo da tabela a briga pelo título esquenta, a luta para permanecer na Série A do Brasileirão ganha contornos dramáticos. O Flamengo sonha com pelo menos um empate para espantar de vez o fantasma do rebaixamento, mas o adversário da vez é o Cruzeiro, que precisa da vitória para manter suas chances de ser campeão. Situação semelhante à do Vitória, primeiro time na zona de rebaixamento, que encara um Grêmio motivado pela busca de uma possível vaga na Copa Libertadores.

Outro gigante ameaçado, o Atlético-MG entra em campo contra o matematicamente rebaixado Goiás, e com um empate pode dar adeus ao pesadelo da Série B. O Guarani encara o Internacional, que já está com a cabeça na disputa da Copa do Mundo de Clubes da FIFA. À beira da zona de degola, Avaí e Atlético-GO enfrentam Santos e São Paulo, que já não têm mais ambições no Brasileirão 2010.

O número
+2 - Além de ter um ponto a mais que o Corinthians, o líder Fluminense também leva vantagem sobre saldo de gols, segundo critério de desempate na classificação (ambos estão empatados com 18 vitórias). A equipe de Muricy tem saldo positivo de 24 gols, contra 22 de seu concorrente paulista. O Cruzeiro vem bem atrás, com 13.

A frase
“Eu prefiro os pontos corridos. É mais coerente, privilegia quem se planeja melhor para a disputa do Campeonato Brasileiro. Temos outros campeonatos que são eliminatórios", Mano Menezes, técnico da Seleção Brasileira

A 37ª rodada completa do Campeonato Brasileiro:
Ceará x Atlético-PR
Avaí x Santos
Corinthians x Vasco da Gama
Palmeiras x Fluminense
Flamengo x Cruzeiro
Botafogo x Grêmio Prudente
Guarani x Grêmio
Atlético-MG x Goiás
Internacional x Vitória
Atlético-GO x São Paulo

Fonte: FIFA

Enviado por: will2s

Veja Mais:

  • Wladimir será o mais novo colunista do Meu Timão

    Herói de 77 será colunista do Meu Timão

    ver detalhes
  • Dudu revelou que jogadores do Palmeiras tinham conhecimento de confusão feita pelo árbitro no clássico

    Atacante palmeirense diz por que não avisou árbitro de erro em expulsão de Gabriel

    ver detalhes
  • Jadson treinou nesta quinta-feira e não será problema para final no Moisés Lucarelli

    Jadson volta, e Carille ensaia escalação do Corinthians para primeira decisão do Paulista

    ver detalhes
  • Fiel esgotou bilhetes colocados à venda no Fiel Torcedor

    Em menos de uma hora, torcida do Corinthians esgota ingressos para decisão do Paulista

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes