Fundo do Fielzão reduz os tributos

Fundo do Fielzão reduz os tributos

O Corinthians enviou para análise do BNDES a proposta de um fundo de investimento de capital fechado, em parceria com a Odebrecht, para obter o financiamento para o Fielzão. A troca, em relação à Sociedade de Propósito Específico (SPE), foi motivada por razões fiscais.

Dessa maneira, a incidência de Imposto de Renda ocorre no resgate das cotas, cessão para terceiros ou fim da carteira. No caso de uma SPE, além do IRPJ, a empresa pagaria CSLL, PIS e Cofins. Se o banco aceitar, a obra só dependerá das licenças.

Fonte: Lancenet

Enviado por: will2s

Veja Mais:

  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Filha dá resposta sensacional ao pai palmeirense: 'Vai, Corinthians'

    Pai força garotinha a cantar música do Palmeiras, e ela surpreende com um 'Vai, Corinthians!'

    ver detalhes
  • Gaviões da Fiel se unirá as outras torcidas organizadas paulitas neste domingo

    Organizadas rivais de São Paulo se unem em evento no Pacaembu em homenagem à Chape

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes