Em clássico dramático, Timão bate o Santos e vai às quartas do Mundialito

Em clássico dramático, Timão bate o Santos e vai às quartas do Mundialito

Por Meu Timão

O Corinthians voltou melhor para o segundo período e rapidamente fez dois gols, assumindo provisoria

O Corinthians voltou melhor para o segundo período e rapidamente fez dois gols, assumindo provisoria

Foto: João Pires

Emoção foi a palavra de ordem no duelo entre Santos e Corinthians, nesta segunda-feira, pela terceira rodada do Grupo A do Mundialito de Futebol de Areia. O Peixe bem que brigou e ainda levou a partida para a disputa de pênaltis com um gol no último segundo da prorrogação. Mas na hora das cobranças, o Timão levou a melhor e venceu por 1 a 0, após empate em 8 a 8 com a bola rolando, e garantiu vaga na próxima fase da competição. Ao Santos restam duas partidas para buscar uma das quatro vagas da chave para as quartas.

O triunfo nos pênaltis deixa o invicto Corinthians na liderança do grupo, com sete pontos, à frente do Lokomotiv de Moscou, que tem cinco e um jogo a menos. Já o Santos acumula a sua segunda derrota e segue sem pontuar, assim como o Sporting. Como apenas uma equipe de cada chave fica de fora da próxima fase, o Peixe segue vivo na briga.

Após participar das três rodadas iniciais, o Corinthians descansa nesta terça-feira e fecha sua participação na primeira fase na quarta, contra o Lokomotiv. Já o Peixe tem dois confrontos para definir sua classificação. Primeiro, o time do técnico Guga encara o Seattle Sounders e, em seguida, terá o Sporting pela frente em duelo que pode valer a classificação.

Igualdade e emoção com a bola rolando

O duelo entre Santos e Corinthians de futebol de areia fez jus ao clássico dos gramados. Com alta dose emoção, a etapa inicial foi recheada de gols - três para cada lado. Dunga abriu o marcador para o Peixe, mas Buru e Juninho Alagoano trataram de virar para o Timão logo em seguida. Pouco depois, Kuman ainda marcaria duas vezes para a equipe da baixada santistas, e Buru ainda anotaria mais um para o time da capital paulista.

O Corinthians voltou melhor para o segundo período e rapidamente fez dois gols, assumindo provisoriamente a dianteira. Primeiro, o argentino Minici deixou sua marca, para Juninho Alagoano ampliar em seguida, anotando 5 a 3 para o Timão. Atrás no placar, a equipe santista buscou forças para reagir, e o goleiro Du Alves e o uruguaio Fabricio igualaram pouco depois. Ainda antes do intervalo, as equipes voltariam a marcar. Fabian acertou uma bela cobrança de falta, enquanto Kuman respondeu da mesma moeda: 6 a 6.

O ritmo das equipes caiu na etapa final, e as equipes, temendo sofrer um gol fatal, passaram a se estudar mais dentro de quadro. Só que, quando o cronômetro apontava menos de seis minutos para o término do jogo, o chileno Mena acertou o canto do goleiro Mão para virar a partida a favor do Santos. Sorte do Corinthians que o árbitro marcou pênalti para a equipe logo depois, e Juninho Alagoano tratou de deixar tudo igual novamente.

Para indignação dos santistas, o árbitro marcou pênalti duvidoso para os corintianos, quando o cronômetro apontava menos de um minuto para o final da etapa final. Após muita reclamação, que inclusive resultou na expulsão de Wellington, o artilheiro Juninho Alagoano foi para a cobrança, mas mandou para fora.

Na prorrogação, o Corinthians se aproveitou da vantagem numérica e fez o oitavo com Juninho Alagoano, que foi expulso por se enroscar com o goleiro adversário na jogada. Como emoção pouca é bobagem, Mena ainda apareceu para deixar tudo igual faltando menos de um segundo para o cronômetro zerar e levar a partida para os pênaltis.

Nas disputa de pênaltis, Kuman desperdiçou a única cobrança santista, e Mão fez a defesa. Em seguida, Fabian só precisava fazer o seu para dar a vitória ao Timão e não decepcionou, garantindo o triunfo corintiano por 1 a 0 nas penalidades.

Fonte: Globo Esporte

Veja Mais:

  • Willians tinha contrato por empréstimo até o fim da temporada

    Willians se despede de companheiros e não joga mais pelo Corinthians

    ver detalhes
  • Chapecoense está na Libertadores de 2017; Corinthians segue lutando por vaga

    Conmebol confirma título à Chape, e Libertadores-2017 terá ao menos oito brasileiros

    ver detalhes
  • Muricy atualmente trabalha como comentarista no SporTV

    Corinthians convidou Muricy Ramalho para ocupar cargo na base

    ver detalhes
  • Corinthians volta a jogar nesta segunda pela Liga Nacional

    Corinthians encara 'reforçado' Sorocaba na primeira final da Liga Nacional

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes