Promotoria dá 10 dias para prefeitura responder sobre Fielzão

Promotoria dá 10 dias para prefeitura responder sobre Fielzão

O Ministério Público de São Paulo protocolou requerimento para pedir informações sobre o futuro estádio corintiano à Prefeitura de São Paulo. O prazo para as repostas é de dez dias, a contar do recebimento das questões.

A principal delas gira em torno do valor determinado pela prefeitura para a locação do terreno cedido, em Itaquera, que teria de seguir parâmetros de cálculo de concessões onerosas de áreas públicas.

A informação é da coluna Painel FC, assinada por Bernardo Itri e Eduardo Ohata e publicada na edição desta sexta-feira na Folha. A íntegra está disponível para assinantes do jornal e do UOL.

Ainda segundo o texto, outras dúvidas do Ministério Público envolvem as contrapartidas que precisam ser oferecidas pela Odebrecht e pelo Corinthians ao município devido ao projeto.

CURIOSOS

De acordo com a coluna Mônica Bergamo publicada na Folha de quarta-feira, o estádio do Corinthians terá até um porta-voz quando começar a ser construído em Itaquera. A ideia é não deixar que jornalistas e curiosos se aproximem dos engenheiros que estarão tocando a obra para não atrapalhar seu ritmo --o profissional acompanharia todos os passos dela e repassaria as informações ao público. A arena desperta tanto interesse que os responsáveis acreditam que isso pode até chegar a atrasar a construção.

Ainda conforme a coluna, Odebrecht e Corinthians finalizam as discussões sobre o tamanho do estádio. O desenho até agora diz que ele terá 48 mil lugares fixos e outros 17 mil provisórios, que lá ficariam apenas durante a Copa. E outros 3.000 podem ser acrescentados para a partida de abertura.

E o texto finaliza, sobre o time alvinegro: "A empreiteira e o clube bem que poderiam colocar algumas máquinas para funcionar em Itaquera para acalmar os que reclamam do atraso na construção do estádio. As despesas com segurança, no entanto, impedem. Só valem a pena depois que a obra puder pegar ritmo".

Fonte: Folha

Enviado por: Will2S

Veja Mais:

  • Corinthians volta a jogar nesta segunda pela Liga Nacional

    Corinthians encara 'reforçado' Sorocaba na primeira final da Liga Nacional

    ver detalhes
  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes