Palmeiras garante usar Pacaembu como casa, até contra o Corinthians

Palmeiras garante usar Pacaembu como casa, até contra o Corinthians

Por Meu Timão

O Pacaembu será a casa do Palmeiras em todas as fases decisivas de Campeonato Paulista e Copa do Brasil, inclusive em um possível confronto contra o Corinthians. Nesta segunda-feira, em reunião na Federação Paulista para definições sobre as quartas de final do estadual, o presidente Arnaldo Tirone avisou que não abrirá mão do estádio nem mesmo contra o maior rival, que está mais acostumado a atuar no Pacamebu.

- O Pacaembu será nossa casa em todas as fases finais de Paulista e Copa do Brasil. Se enfrentarmos o Corinthians, teremos a condição de mandante por conta da torcida, que será maioria do Palmeiras – disse Tirone.

Essa situação já ocorreu no clássico do dia 6 de fevereiro, vencido por 1 a 0 pelo Corinthians. A torcida do Palmeiras ocupou as arquibancadas do Pacaembu, enquanto os corintianos tiveram o tobogã e a área reservada aos visitantes. O fato causou até confusão após o gol de Alessandro, no fim do jogo. O lateral corintiano foi comemorar próximo à arquibancada normalmente ocupada por organizadas do Timão. No entanto, só havia palmeirenses no local, o que causou mal-estar com jogadores do Palmeiras.

Opções como o Canindé e a Arena Barueri só serão revistas após o início do Campeonato Brasileiro. O clube busca a melhor solução para suprir a ausência do Palestra Itália, que está em obras e deve ter a nova arena entregue até abril de 2013.

- Barueri tem o problema logístico, dificulta o acesso do nosso torcedor. O Canindé é um estádio que pode ser utilizado mais vezes, nossa diretoria pode ver algo para o Campeonato Brasileiro - disse o presidente palmeirense.

As obras da Arena Palestra se encontram dentro do cronograma previsto pela WTorre, construtora responsável pela obra. Na última sexta-feira, toda a parte que restava das antigas numeradas foi demolida. Mas antes da reconstrução do estádio propriamente dito, a empresa entregará a parte social, que inclui um prédio administrativo e outro de quadras. Esses são os locais onde o trabalho está mais avançado, já que o contrato prevê a entrega dos prédios em, no máximo, um ano a partir do início das obras - com 60 dias de tolerância. O trabalho na Arena começou em outubro do ano passado.



Fonte: Globo Esporte

Veja Mais:

  • Corinthians volta a jogar nesta segunda pela Liga Nacional

    Corinthians encara 'reforçado' Sorocaba na primeira final da Liga Nacional

    ver detalhes
  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes