Andres diz que PM não permitiu mais ingressos ao Corinthians

Andres diz que PM não permitiu mais ingressos ao Corinthians

Por Meu Timão

O presidente do Corinthians, Andres Sanchez, não se opôs à decisão do Ministério Público, que determinou que carga de ingressos destinados para a torcida corintiana no jogo contra o Palmeiras, válido pela semifinal do Campeonato Paulista, fosse de apenas 5%, ou de 2.400 entradas para seus torcedores.

"O Corinthians tentou uma negociação com o Palmeiras, para ter também o tobogã. Mas o Ministério Público e a Polícia Militar sugeriram que fosse só os 5%. Então fomos obrigados a ceder, uma vez que entendemos que o poder público deve ser respeitado", disse Andres Sanchez,por meio de sua assessoria.

O mandatário alvinegro também afirmou que os ingressos serão disponibilizados para a compra primeiro para os sócios do Fiel Torcedor e depois as entradas serão vendidas nos postos de vendas das torcidas organizadas dos clubes.

Segundo ele, essa medida é para evitar que haja confusão e violência na hora da compra dos bilhetes por parte dos torcedores.

Fonte: Folha

Veja Mais:

  • O Corinthians enfrenta a Ponte Preta neste domingo, pela decisão do campeonato estadual

    Globo transmite final entre Corinthians e Ponte Preta para apenas dois estados

    ver detalhes
  • Apresentadora usou termo pejorativo para se referir ao Corinthians

    Corinthians é chamado por termo pejorativo em programa de televisão de Campinas

    ver detalhes
  • Elenco do Timão teve dia descontraído no CT Joaquim Grava

    Carille libera rachão, e Corinthians tem treino com show de descontração antes de final estadual

    ver detalhes
  • Tour da Arena Corinthians terá início na segunda semana de maio

    Corinthians anuncia início do tour da Arena; veja preços e como comprar ingressos

    ver detalhes

E o Ministério Público aparece mais uma vez...

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes