Ministro praticamente descarta São Paulo para Copa das Confederações

Ministro praticamente descarta São Paulo para Copa das Confederações

O ministro dos Esportes, Orlando Silva afirmou hoje que a cidade de São Paulo está praticamente fora da Copa das Confederações em 2013. Para ele, dificilmente as obras do estádio em Itaquera, que ainda não começaram, ficarão prontas para o evento preparativo para o mundial de 2014.

"O plano de obras do estádio de São Paulo exige 33 meses de prazo, então, evidentemente, esse plano orientado por Governo do Estado, prefeitura e Corinthians, dono do estádio, não contempla a Copa das Confederações... ao que parece será muito difícil que São Paulo participe", disse ele a jornalistas antes de participar de um evento na Barra da Tijuca.

Desde sexta-feira, o governador de São Paulo e o prefeito da cidade, Geraldo Alckmin, e, Gilberto Kassab, têm dito, publicamente, que em no máximo duas semanas o Ministério Público dará autorização para o início das obras no terreno selecionado para ser palco do estádio do Corinthians. Silva ironizou as constantes promessas das autoridades de São Paulo sobre o iníco das obras. "Faz tempo que tenho notícia que será nos próximos dias e espero que os próximos dias estejam relamente próximos", declarou o ministro.

Silva desacartou ainda o uso de um outro estádio na Copa das Confederações pela cidade de São Paulo enquanto o estádio em Itaquera não fica pronto. "Não podemos premiar quem não cumpre os compromissos... a Copa das Confederações é um evento teste e não faz sentido usar um estádio que não será usado no mundial", afirmou.

O ministro dos Esportes disse também que Pelé foi convidado pelo Governo Federal para ser conselheiro do comitê organizador da Copa de 2014 e embaixador do mundial, "Pelé é um símbolo do Basil, do futebol brasileiro, do Brasil vencedor e acreditamos que é muito importante se chegássemos num entendimento para que pudesse ser uma espécie de embaixador do Governo do Brasil no trabalho de promoção do país no mundo inteiro", declarou Orlando Silva.

O convite à Pelé foi feito por Silva na semana retrasada, em uma reunião em São Paulo.

Recentemente, Pelé classificou a preparação do país para a Copa do Mundo como vergonhosa. "Pelé é um homem extraordinário, que conhece o Brasil e o mundo, uma voz ativa no mundo e os alertas que o Pelé fez e as preocupações que ele manifestou são preocupações nossas. Ninguém está mais interessado em acelerar as obras do que o Governo Federal", afirmou o ministro. "Queremos o Pelé não só como embaixador, mas como conselheiro. Ele sabe como o mundo nos vê e queremos melhor como o mundo nos vê", concluiu.

Ministro praticamente descarta São Paulo para Copa das Confederações

Fonte: http://esportes.terra.com.br/futebol/brasil2014/no

Enviado por: Josue Souza

Veja Mais:

  • Roberto de Andrade assumiu presidência do Corinthians em fev/2015 e segue até fev/2018

    Conselheiros barram votação do impeachment, e Roberto de Andrade segue presidente do Timão

    ver detalhes
  • Roberto de Andrade concedeu entrevista nesta segunda no Parque São Jorge

    Após se livrar de impeachment, Roberto de Andrade sugere tentativa de golpe no Corinthians

    ver detalhes
  • Rodriguinho deve ser uma das opções para o Corinthians no BR-17

    Corinthians tem Chape e clássicos logo no começo; veja a tabela completa do BR-17

    ver detalhes
  • Patch que será usado pelos jogadores no Dérbi de quarta-feira

    Rivalidade à parte: Corinthians e Palmeiras se unem e usarão logo no clássico

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes