Timão quer antecipar para sempre a janela de transferências no Brasileiro

Timão quer antecipar para sempre a janela de transferências no Brasileiro

O presidente do Corinthians, Andrés Sanches, afirma que ainda não fez nenhum pedido à CBF para antecipar a janela de transferências do exterior e inscrever o meia Alex, contratado do Spartak Moscou, no Campeonato Brasileiro. Mas, segundo ele, a reivindicação será feita em breve por parte do Timão.

- Não fiz pedido nenhum. Mas não custa nada abrir antes este ano, como fizeram no ano passado. A janela em agosto é muito complicada para o futebol brasileiro. Em breve devo conversar na CBF, mas sei que outros clubes, como Santos e Grêmio, estão pedindo a mesma coisa – comentou o mandatário alvinegro.

De acordo com Sanches, a mudança tem de ser definitiva por parte da CBF. Caso contrário, todos os anos vão ter pedidos como os de 2010 e desta temporada.

- Em um ano é interessante para um, outro ano interessa para outro. Tem que discutir isso logo de uma vez e definir uma nova data – acrescentou o corintiano.

Caso não consiga antecipar a janela de transferências, o Corinthians só poderá utilizar Alex na 14ª rodada do Campeonato Brasileiro, já que atualmente o período para transferências internacionais é liberado a partir de 3 de agosto.

Timão quer antecipar para sempre a janela de transferências no Brasileiro

Fonte: Globoesporte

Enviado por: Manko

Veja Mais:

  • Guilherme Arana disputará Sul-Americano no Equador

    Corinthianos são convocados para Sul-Americano Sub-20; Jabá fica fora

    ver detalhes
  • Moisés, de 21 anos, foi um dos destaques do Bahia em 2016

    Destaque do Bahia, lateral faz parte dos planos do Corinthians para 2017

    ver detalhes
  • Internacional foi alvo de gafe da Fifa

    Fifa comete gafe, troca escudo do Internacional e põe foto do Corinthians no lugar

    ver detalhes
  • Alan Mineiro não fica no Corinthians em 2017

    [Teleco] Alan Mineiro não fica no Corinthians em 2017

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes