Pressão paulista e gaúcha faz CBF antecipar janela de transferências do exterior

Pressão paulista e gaúcha faz CBF antecipar janela de transferências do exterior

Corinthians e Grêmio poderão antecipar a estreia de suas contratações estrangeiras..

A CBF anunciou nesta terça-feira que a janela de inscrições de jogadores vindos de times do exterior será antecipada. A partir de agora os clubes poderão inscrever seus jogadores entre os dias 15 de junho e 15 de julho. Anteriormente as inscrições seriam permitidas a partir do mês de agosto.

Corinthians e Grêmio foram os times que mais batalharam para que a mudança acontecesse. Para o Timão, a antecipação das inscrições foi fundamental para a que o técnico Tite pudesse contar com o meia Alex, contratado junto ao Spartak, da Rússia, de forma antecipada.

Já o time gaúcho pediu a alteração da data para antecipar a estreia do meio-campista pentacampeão Gilberto Silva. O jogador foi anunciado como reforço tricolor na última segunda-feira e estava defendendo o Panathinaikos, da Grécia.

Esta não é a primeira vez que a CBF antecipa as datas de inscrições. Em 2010 foi a vez do Internacional pressionar a entidade para que a ocorresse a mudança. Na ocasião, o time gaúcho inscreveu o goleiro Renan, o volante Tinga e o atacante Rafael Sobis para o Brasileirão.

Enviado por: alex

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Maycon conta com o aval de Oswaldo de Oliveira para retorno

    Retorno de Maycon minimiza necessidade por contratação de volante no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes