República Popular do Corinthians ganha prêmio em Cannes

República Popular do Corinthians ganha prêmio em Cannes

Por Meu Timão

Gravura feita no lançamento da República Popular do Corinthians

Gravura feita no lançamento da República Popular do Corinthians

A campanha que transformou o Corinthians em um país (República Popular do Corinthians) foi premiada no principal festival de publicidade do mundo. A ação da agência F/Nazca S&S para a Nike, patrocinadora do clube, ganhou um leão de bronze em Cannes, na França, na categoria mídia.

A notícia foi comemorada pelo Corinthians com uma nota oficial em seu site. Antes da premiação em Cannes, a ação já havia sido lembrada em três outros prêmios importantes (dois Clio Awards e um Blue Wave).

A ideia foi lançada no fim de agosto do ano passado, pouco antes do aniversário de cem anos do clube. O Corinthians criou passaporte, preparou vídeos e explorou a marca de seus jogadores mais famosos para vender a ideia de que tinha se tornado um país.

À época, a ação foi tratada com enorme sigilo pelo clube e sua patrocinadora, que também usaram as redes sociais para espalhar a ideia vendida na ação.

Até a relação de Andrés Sanchez, amigo pessoal do ex-presidente Lula, foi explorada na ocasião. O político recebeu o passaporte da República Popular do Corinthians e ouviu do cartola que o "novo país mantinha relações cordiais com o Brasil", em tom de brincadeira.

Fonte: UOL

Veja Mais:

  • Jogadores usaram máscaras em brincadeira do Corinthians

    Em clima de Carnaval, Corinthians provoca e dá máscaras para Gabriel e Maycon

    ver detalhes
  • Vitor Hugo publicou vídeo nesta quinta-feira

    Em rede social, Vitor Hugo publica vídeo com pedido de desculpas a Pablo; confira

    ver detalhes
  • Corinthians e Santos ainda não se enfrentaram em 2017

    FPF altera horário do clássico entre Corinthians e Santos na Arena

    ver detalhes
  • Thiago Duarte Peixoto será afastado dos gramados e passará por avaliação na FPF

    Após assumir erro, árbitro de Dérbi é afastado e passa por avaliação na FPF

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes