Representando o Corinthians, Anderson Spider vence a luta principal do UFC Rio

Representando o Corinthians, Anderson Spider vence a luta principal do UFC Rio

Por Meu Timão

Anderson Silva encaixando um bom chute no adversário

Anderson Silva encaixando um bom chute no adversário

Anderson "Spider" Silva, atléta de MMA recém contratado pelo Corinthians lutou essa noite no UFC Rio e venceu com tranquilidade o adversário. Anderson brincou com Yushin Okami na arena do UFC Rio. Ele esquivou como quis, encaixou golpes a hora que quis e derrubou o japonês do jeito que quis. Parou em frente e parecia escolher como queria vencer. Ele montou em cima do adversário, deu joelhada, socos, cotoveladas e subiu na grade do octógono ao som de “é campeão”. A vitória foi aos 2 minutos e 04 segundos do 2º round.

Round 1 – Sem nem tocarem as luvas para o tradicional cumprimento antes da luta, eles se estudam inicialmente. Anderson só esquiva dos golpes de Yushin, que acerta o vazio. O brasileiro só ginga no octógono e o japonês o observa atentamente. Com dois minutos de luta, o japonês tenta segurar a luta. Silva para, segura o oponente com as costas na grade e encaixa uma joelhada na barriga de Okami. Eles trocam socos e cotoveladas com os corpos grudados. A torcida se irrita e vaia os lutadores. Anderson resolve se desprender do advesário e tenta acertar seu rival, mas não tem sucesso. Ele ginga para esquivar do japonês de forma sensacional e depois encaixa um chute de esquerda no pescoço do japonês.

Round 2 – Anderson Silva parece querer acabar rápido com a luta, parte para cima de Okami, levanta a Arena. Em 30 segundos, ele deixa Okami intimidado. O brasileiro para e fica olhando, sem guarda. Ele encaixa um direto na cabeça do adversário, que cai sem nenhum rumo. Anderson para, coloca a mão na cintura e só observa o adversário.  Depois, acerta outro golpe de direita e escolhe a forma de nocautear Okami. Sensacional.

Veja Mais:

  • Corinthians volta a jogar nesta segunda pela Liga Nacional

    Corinthians encara 'reforçado' Sorocaba na primeira final da Liga Nacional

    ver detalhes
  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes