Estudo mostra que marca Corinthians vale quase o dobro do Palmeiras

Estudo mostra que marca Corinthians vale quase o dobro do Palmeiras

Por Meu Timão

Ronaldo quando marcou seu primeiro gol pelo Corinthians e foi sobre o Palmeiras

Ronaldo quando marcou seu primeiro gol pelo Corinthians e foi sobre o Palmeiras

Um estudo realizado pela auditoria BDO RCS mostrou que o Corinthians segue com a marca mais forte do futebol brasileiro. Na análise divulgada nesta sexta-feira, a equipe de Parque São Jorge alcançou o valor de R$ 867 milhões e liderou a lista pelo segundo ano seguido. Mas o fato que mais chama a atenção é a diferença entre o Timão e o seu maior rival: o Palmeiras.

Quarto colocado da lista, o nome do Verdão está avaliado em R$ 452,9 milhões. Se seguir com a atual evolução, o Palmeiras corre risco de ter, em breve, metade do valor do Alvinegro de Parque São Jorge.

A vantagem corintiana para o segundo colocado é também significativa: o Flamengo chegou ao patamar de R$ 689,5 milhões. O São Paulo é o terceiro colocado da lista, com R$ 664,2 milhões. Além do Palmeiras, também foram citados no estudo Internacional (R$ 277,9 mi), Santos (R$ 227,9 mi), Grêmio (R$ 224,6 mi), Vasco (R$ 162,5 mi), Cruzeiro (R$ 151,3 mi), Atlético-MG (R$ 150,3 mi), Fluminense (R$ 135,7 mi) e Botafogo (R$ 90,7 mi).

No intervalo de sete anos, o nome do Corinthians praticamente triplicou de preço. Em 2004, valia R$ 286 milhões e estava atrás de São Paulo e Flamengo. O Timão alcançou a soberania do ranking a partir de 2010.

As marcas dos 12 principais clubes brasileiros estão em constante evolução. Em relação a 2010, o crescimento foi de 10%. Já em comparação a 2004, o aumento foi de 138%.

Na comparação das receitas da temporada, o Corinthians também está na primeira colocação. No ano passado, o clube de Parque São Jorge obteve R$ 212,6 milhões em arrecadações. Já a sequência da lista apresenta diferença em relação à análise das marcas: Internacional (R$ 208 mi), São Paulo (R$ 195,7 mi), Palmeiras (R$ 148,3 mi), Flamengo (R$ 128,6 mi), Santos (R$ 116,5 mi), Grêmio (R$ 113,7), Cruzeiro (R$ 101,4), Atlético-MG (R$ 93,3), Vasco (R$ 83,9), Fluminense (R$ 76,8) e Botafogo (R$ 52,7).

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Mais:

  • Corinthians/Americana pode não voltar a quadra no segundo semestre

    Campeão nacional, Corinthians/Americana chega ao fim, diz jornal

    ver detalhes
  • De promessa a dispensado: ex-Corinthians, Cassini comunica saída da Ponte Preta

    De promessa a dispensado: ex-Corinthians, Cassini comunica saída da Ponte Preta

    ver detalhes
  • Cicinho, hoje no futebol búlgaro, deve pintar como reforço do Corinthians

    Final da Copa da Bulgária separa Corinthians de segunda contratação para o Brasileirão-2017

    ver detalhes
  • Pequeno torcedor conheceu também o xeque Al-Khelaifi, dono do clube francês

    Em Paris, torcedor-mirim surpreende xeique do PSG e pede contratação de atacante do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes