Corinthians registra seu recorde de público no ano e jogadores elogiam torcida

Corinthians registra seu recorde de público no ano e jogadores elogiam torcida

Por Meu Timão

A torcida do Corinthians reverenciou os ídolos do passado

A torcida do Corinthians reverenciou os ídolos do passado

A torcida teve papel fundamental na vitória de virada do Corinthians sobre o Flamengo por 2 a 1, na noite desta quinta-feira, com dois gols Liedson. Esse foi o discurso dos jogadores e do técnico Tite no Pacaembu, depois do triunfo diante de 37.707 pessoas.

O público pagante foi de 35.392 torcedores, recorde corintiano como mandante na temporada. A renda registrada foi de R$ 1.284.311,50.

Até então, a melhor marca no estádio municipal em 2011 ocorreu em 8 de maio, no primeiro confronto pela final do Paulista, quando 34.547 pessoas pagaram para ver Corinthians 0 x 0 Santos. Durante o Brasileiro, 34.462 compraram ingresso e assistiram à derrota para o Cruzeiro por 1 a 0, em 24 de julho.

“Isso aqui é diferente. Quem vem jogar aqui, no nosso time, com a torcida empurrando, não tem como não se sentir motivado”, celebrou o goleiro Julio Cesar, único titular revelado na base do clube.

“A gente sentia no ar o que torcedor corintiano passa no momento da adversidade. Ele cobra, mas abraça muito. Quem viu o estádio viu a  energia que passavam. O atleta passa por cima de seus limites físicos. Eles reconheceram mesmo quando o resultado estava negativo, retribuíram com aplausos e uma coisa puxa a outra”, comentou Tite.

“Estou feliz pela vibração de todos, por a gente ter feito um gol e comemorar do jeito que foi”, afirmou Willian, que cruzou a bola para o gol de Liedson, o da virada, aos 43min do segundo tempo.

Fonte: UOL

Veja Mais:

  • Treino com torcida na Arena Corinthians não é novidade

    Organizadas pedem e último treino antes do Dérbi terá presença da torcida na Arena Corinthians

    ver detalhes
  • Jadson deve ser opção a partir da próxima quarta-feira, dia 1

    Jadson confirma que se colocou à disposição para enfrentar o Palmeiras e crava jogo da reestreia

    ver detalhes
  • Fellipe Bastos, à direita, deve retornar ao time; Léo Jabá é dúvida

    Corinthians terá ao menos uma mudança na escalação para encarar Palmeiras

    ver detalhes
  • Sanchez e Roberto de Andrade seguem aliados na política do Corinthians

    Fortalecido após veto do impeachment, Andrés Sanchez cogita voltar à presidência do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes